Search Results For : Mercado

Boca fará ‘loucura’ por Centurión. São Paulo precisa ter cautela!

Nação do Maior do Mundo;

 

Saiu no portal argentino Toda Pasion: o Boca Juniors está disposto a fazer uma loucura para contratar Centurión. Segundo o portal, o clube argentino pretende pagar 110 milhões de pesos (cerca de 6,3 milhões de euros) para contar definitivamente com o jogador.

 

A princípio o negócio seria ótimo para o Boca, para Centurión e também para o São Paulo, já que o jogador não rendeu o esperado pelo clube desde a chegada no CT da Barra Funda. Apesar de ter sido ‘contratado’ por Vinícius Pinotti, atual diretor de marketing que na época emprestou o dinheiro ao clube, Centurión é propriedade do São Paulo, que pagará o diretor não necessariamente pela provável venda.

 

Porém, o Tricolor deve ficar atento com a atual fama de caloteiro do Boca Juniors. Quem não se lembra da compra do uruguaio Lodeiro junto ao Corinthians? Pagaram os alvi-negros? O Boca é grande e possui receita mas de qualquer forma, na minha opinião, não dá para negociar o atacante se não for a vista e com garantia bancária.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

São Paulo obtém lucro incrível com venda de 50% de Rogério ao Sport

Nação do Maior do Mundo;

 

Enfim, o Sport exerceu o poder de compra do atacante Rogério.

 

O clube pernambucano, que já havia comprado 25% dos direitos do jogador junto ao Náutico em 2016 por R$ 2,5 milhões, agora desembolsou mais R$ 3,5 milhões de reais por mais 25% e o direito de ficar com o atleta. Segundo o presidente do Sport, Arnaldo Barros, era desejo de Rogério permanecer no Leão da Ilha. Os outros 50% ainda pertencem ao Tricolor.

 

Pois bem. Se Rogério optou pelo Sport, é melhor ficar por lá mesmo. O São Paulo, que comprou 100% do atleta por R$ 1,6 milhões, no total ganhou R$ 6 milhões com a venda de metade dos direitos econômicos. Um lucro de R$ 4,4 milhões e que pode ficar ainda maior numa futura venda. Agora, o Tricolor tem obrigação de correr atrás de um atleta com as mesmas características para o Brasileirão, já que era desejo de Ceni contar com o xará, até antes do torneio nacional. Centurión poderá voltar mas o clube conta com a sua também valorização para, de preferência, faturar em cima da ótima fase no Boca.

 

Eu miraria a América do Sul. Principalmente gente que se destacará na Libertadores.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Valdívia interessa ao São Paulo. Mas…

Nação do Maior do Mundo;

 

O torcedor do São Paulo se animou com a possibilidade de contratar o meia Valdívia, do Internacional. E ficou ainda mais motivado após a desistência do Corinthians, que pretendia um troca-troca envolvendo Giovani Augusto.

 

A coisa ficou ainda mais intensa após a re-divulgação de uma entrevista do meia ao canal Desimpedidos. Ao ser questionado pelo apresentador “Bolívia”, o jogador disse que torcia para o Tricolor na infância e até brincou: “Em São Paulo, o maior clube é o São Paulo”.

 

Porém, a contratação é complicada. O clube obviamente tem interesse em Valdívia, mas não sairá da sua adequação financeira. O jogador possui altos salários no Colorado e, caso viesse por empréstimo, não poderia jogar nem o Paulistão nem a Copa do Brasil. Fazendo as contas, é muito dinheiro para poucas partidas. Ainda há o agravante da recente lesão do atleta. Valdívia está recuperado mas ainda não mostrou a explosão que o fez ser conhecido nacionalmente.

 

Diante das dificuldades, vejo a contratação como praticamente inviável, a não ser que os números melhorem ou exista uma possibilidade de troca. Wesley, como foi ventilado? Não acredito.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Éverton Ribeiro: São Paulo e Flamengo tem até terça para viabilizar reforço

Nação do Maior do Mundo;

 

São Paulo e Flamengo são os brasileiros que disputam Éverton Ribeiro.

 

O jogador, que recentemente ganhou mais um título com o Al-Ahli (seu atual clube), deseja retornar ao Brasil. Os árabes não se opõem ao regresso do meia-atacante, mas fixaram o preço do atleta a um valor que dificulta a transferência. Além do mais, há os salários e também o pagamento da comissão do empresário responsável pelo tramite.

 

Há muita expectativa nos torcedores dos dois clubes. O Flamengo tem caixa gordo pelos últimos anos de boa gestão, mas não quer perder esse crédito fazendo uma loucura. Por outro lado, o São Paulo tenta viabilizar com algum parceiro a chegada do reforço que pode ter uma conotação política forte para Leco. O Tricolor decide novo presidente dia 18 de abril.

 

Quem está na frente? Não tenho nenhuma informação mais concreta além do interesse e das contra-propostas claras enviadas de ambos os clubes ao Al-Ahli, mas vai aí um palpite: devido a complexidade da negociação e o término da janela ser essa terça, dia 04 de abril, creio que Éverton Ribeiro terá que ficar mais uma temporada no Oriente médio, a não ser que rescinda seu contrato, o que é difícil.

 

Vale lembrar que a disputa por éverton Ribeiro não é “Flamengo x São Paulo” e sim ambos contra o Al-Ahli. Será que algum deles conseguirá dobrar o clube árabe a tempo de repatriar o jogador?

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Éverton Ribeiro nos planos: Tricolor procura Al-Ahli e discute aquisição

Nação do Maior do Mundo;

 

São Paulo e Flamengo disputam a repatriação do meia atacante Éverton Ribeiro.

 

A notícia, especulada em primeira-mão pelo blog dia 21 de março e confirmada pelo portal Lance! tem agora novos e esperançosos capítulos. Segundo o jornalista Jorge Nicola o Tricolor consultou o Al-Ahli, detentor dos direitos federativos do jogador e estaria mais próximo da pedida árabe (algo em torno de R$ 16 milhões de reais por 50% dos direitos econômicos) que o rubro-negro.

 

Uma das dificuldades é o alto salário do jogador. Éverton Ribeiro terá que abrir mão do alto salário que recebe no mundo árabe, mas parece que o jogador já estaria alinhado com a realidade de qualquer clube brasileiro que deseje repatriá-lo neste momento. Segundo Jorge Nicola há ainda um valor a ser pago ao seu empresário como comissão de negociação. Mais detalhes estão no blog do jornalista.

 

A consulta existe, mas ainda não há certeza que o negócio será sacramentado, ainda mais pelas cifras envolvendo o Al-Ahli e os custos do próprio jogador. Com Felipe Melo não deu certo; com Lucas Pratto, deu. O fato é que o Tricolor tem pressa para definir a situação pois a janela de contratações fecha dia 04 de abril, mês de grandes decisões para o clube, dentro e fora de campo.

 

Além disso há o aspecto técnico. Cueva, meia titular da equipe e da seleção peruana se machucou no jogo contra o Uruguai e deve desfalcar o time nos próximos dias. O jogador não tem substituto no elenco, já que Lucas Fernandes também sofreu um estiramento nesta terça-feira e Shaylon, segundo Ceni, ainda precisa se desenvolver mais no profissional. A esperança é que o peruano tenha apenas uma contratura muscular, o que ocasionaria menos tempo mais rapidez na sua recuperação.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.