Search Results For : Opinião

Aderlan, o “polêmico”, acertou empréstimo ao Tricolor até fim de 2018

Deu no Lance! O zagueiro Aderlan está fechado com o São Paulo FC.

 

O jogador de 28 anos, que não fará parte do elenco do Valência nesta temporada, acertou sua chegada ao “clube de infância e coração” neste sábado. Ainda segundo o Lance!, o São Paulo pagará cerca de R$ 3 milhões pelo empréstimo com cláusula de compra de R$ 15 milhões caso Aderlan agrade em sua estadia.

 

O zagueiro é mais um daqueles casos de jogador que se mandou ainda jovem para a Europa. No Brasil, Aderlan jogou pelo Salgueiro e Araripina, ambos no Pernambuco. Foi para Portugal, jogou pelo Trofense e Sporting Braga até ser comprado pelo Valência. Esteve na Europa por sete anos e agora regressa para consolidar a carreira num clube grande brasileiro.

 

O jogador teve seu auge no Braga, reconhecido até hoje pelos torcedores portugueses pelos serviços prestados. Já na Espanha, Aderlan colecionou “inimigos”. A torcida local costuma o chamar de jogador medíocre e não é incomum ver valencianos ‘agradecendo’ o São Paulo pela gentileza de levar o jogador para o Brasil. O jornalista espanhol José Hernandes chegou a escrever que Aderlan é um dos atletas mais medíocres da história do clube num texto publicado do periódico DeporteValenciano.com. Leia aqui.

 

A frustração dos espanhóis com ele é grande e tem motivo: Aderlan foi negociado do Braga para o Valencia a cifras milionárias. Virou um mico por lá. A oportunidade o levou ao Tricolor, que tinha dura concorrência com o Internacional de Porto Alegre. Prefiro esperar suas atuações antes de criticar. As histórias de Lugano, Miranda, Mina e Pablo me fazem ter essa prudência. Não creio que seja pior que Lucão ou Douglas, por exemplo.

 

A chegada de Aderlan pode ser uma forte indicação da saída de Rodrigo Caio. O zagueiro tem proposta milionária do russo Zenit, que está disposto até a depositar o valor da multa integral aos cofres Tricolores. Se isso acontecer, será disparado a maior venda de um zagueiro a Europa, superando de longe a negociação de Breno com o Bayern, de Munique, primeira colocada.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Lucas Fernandes, Wesley ou Cícero? Pintado ensaia um 4-1-4-1 na Vila.

Pintado, ídolo do clube nos anos 90, dirigirá a equipe que enfrentará o Santos no próximo domingo às 19 horas, na Vila Belmiro. O auxiliar técnico ensaia um 4-1-4-1, com bastante marcação no meio-campo Tricolor.

 

Arboleda deve fazer sua estréia na zaga, ao lado de Rodrigo Caio. Araruna e Junior Tavares compõem a primeira linha defensiva. Jucilei deve ser o homem a frente da defesa. O meio-campo deve contar com Petros e Wesley no meio-campo, já que Gómez ainda não está 100% condicionado fisicamente. O meia argentino, que voltou de férias do campeonato colombiano, ficará como opção no banco. Nas extremidades, Marcinho e Cueva devem auxiliar Pratto no comando de ataque. O peruano, que marcou gol e foi punido com cartão amarelo no último clássico na Vila, terá uma chance de ouro para retomar seu futebol neste domingo.

 

O provável time que pegará o Santos será: Renan, Araruna, Arboleda, Rodrigo Caio e Junior. Jucilei, Marcinho, Petros, Wesley e Cueva, com Pratto. Gómez deverá estrear com o manto sagrado tricolor, mas apenas no segundo tempo de jogo.

 

Mais uma vez o sucesso do Tricolor passará por um bom jogo de Jucilei, Cueva e Pratto. É bom ficar de olho em Arboleda e Wesley, o ponto negativo da escalação. Contratado com alto salário, ele ganhou a vaga que poderia ser de Cícero ou mesmo Lucas Fernandes, mas ainda deve muito futebol no clube. Ainda preferia ver Lucas Fernandes mais solto, atuando num meio marcador como o de Petros e Jucilei.

 

O jovem meia foi relacionado para o jogo e estará a disposição de Pintado.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Arboleda neles!

O São Paulo irá a Vila Belmiro enfrentar o Santos entre incertezas e dentro da zona do rebaixamento. Porém, diante de todas essas dificuldades, um novo jogador no elenco aparece com disposição para ajudar a equipe a sair o mais rápido possível da situação de tabela.

 

Arboleda, equatoriano contratado junto ao Universidad Catolica (ECU) já está adaptado ao elenco e com uma condição boa de jogo. Treinando há duas semanas no CT da Barra Funda e vindo de ritmo após finalizar a temporada em seu país, o zagueiro é mais uma esperança do Tricolor para fortalecer individualmente e coletivamente a equipe nesse segundo semestre.

 

Contratado para o lugar de Maicon, o novo ‘sósia’ do Tatau (vocalista do Ara Ketu) deverá ir para o jogo e formar dupla com Rodrigo Caio, que vive a expectativa de uma oferta milionária da Rússia. O Zenit sinaliza que pode depositar a multa rescisória do jovem zagueiro da seleção. Creio que ele não sairá. Rodrigo acredita que no São Paulo ou em uma vitrine melhor, manterá bem viva a chance de estar no elenco da seleção brasileira da Copa do Mundo de 2018. Mesmo acreditando na sua permanência, os diretores correm para fechar com Aderlan, que não fará mais parte do elenco do Valência nesta próxima temporada européia.

 

Boa sorte para você, Arboleda. Boa sorte para nós, são-paulinos!

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Rogério: o são-paulino não tem que te desculpar. Tem que te venerar. Obrigado!

“Desculpem me se falhei, mas o que me moveu nesse projeto, foram os riscos para conquistar a glória. Obrigado torcedor são-paulino, pelo carinho, respeito e apoio. Jamais esquecerei.” – Foi assim que Rogério Ceni se manifestou ao comentar sua saída do cargo de técnico do clube em seu Facebook Oficial.

 

O ídolo da terceira maior torcida do Brasil mostrou coragem nas palavras e se disse preparado para o cargo, comentando trechos de sua história marcados por dúvidas e opções: a vinda para São Paulo, o período no banco de reservas e o treino de faltas no clube. Todas essas etapas movidas por muito trabalho e perseverança.

 

E foi exatamente esse o legado que Ceni deixou ao torcedor são-paulino. Um indivíduo obstinado, trabalhador e vencedor. Seu sucesso como jogador foi um tapa na cara dos ‘haters’ rivais ou os próprios torcedores odiosos do seu clube. O técnico saiu mas o Mito permanece intocável na cabeça de quem é São Paulo.

 

Se não foi agora, não quer dizer que não será nunca mais. A própria história de Rogério Ceni indica isso. Rogério não começou famoso nem estourou para o futebol como Neymar ou Gabriel Jesus, só para citar exemplos recentes. Ficou famoso não pela sua beleza ou caráter, mas sim pelo trabalho, talento e perseverança.

 

Rogério. O são-paulino não tem que te desculpar. Tem que te venerar.

 

Sempre.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Dorival é favorito a vaga, mas não é o único. Veja as opções no mercado!

A saída de Rogério Ceni do comando técnico do São Paulo na tarde desta segunda-feira promoveu uma grande corrida no jornalismo esportivo. Todos estão atrás do nome ‘ideal’ para ocupar o banco de reservas Tricolor.

 

Dorival Junior aparece como barbada, ainda mais depois que um contato entre ele e a diretoria de futebol foi confirmado pelo jornalista Jorge Nicola horas depois do comunicado oficial emitido pelo clube. Mas não é o único nome em vista. O São Paulo procura um técnico brasileiro e experiente. Marcelo Oliveira, Mano Menezes e até Dunga foram ventilados nos corredores do Morumbi.

 

Marcelo Oliveira, apesar de campeão com o Cruzeiro e Palmeiras, sofre certa rejeição. Mano Menezes agrada mas está empregado, apesar de ter seu cargo muito ameaçado no Cruzeiro. Dunga sempre foi objeto de desejo de Juvenal Juvêncio. Se deduzirmos que a atual diretoria atuou muito tempo próxima ao falecido presidente, não é surpresa ele ainda ser lembrado.

 

Acredito num desfecho rápido e creio que a barbarda mesmo é Dorival, que ainda tem vocação de lançar atletas de base. Contra o Santos, o São Paulo será treinado por Pintado, portanto não veremos ainda uma cara nova no banco Tricolor. Porém, a chance de ter um técnico anunciado até lá é enorme.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.