Search Results For : São Paulo Sempre

Cuca mudará ataque para a partida diante da Chape. Comente a escalação:

São Paulo e Chapecoense se enfrentarão nesta segunda-feira às 20h, no Morumbi. O jogo encerrará a 11ª rodada do Brasileirão e, se vencer, o Tricolor subirá sete posições, chegando a quinta colocação do torneio. Mais de dezessete mil ingressos foram vendidos antecipadamente.

 

O técnico Cuca só terá um titular ausente no jogo, o atacante Pablo. Por isso, Raniel deverá ganhar sua primeira chance integral para mostrar ao torcedor o futebol que fez o clube optar por sua contratação. Com uma semana cheia de treinos, o centroavante ex-Cruzeiro está mais entrosado com seus novos companheiros. Pelo desenho da partida, Pato e Antony também devem ter funções defensivas abrandadas e ajudar mais o ataque, diferente da atuação no clássico diante do Palmeiras.

 

Além do novo ataque, composto por Pato na esquerda, Antony na direita e Raniel centralizado, o técnico deverá manter as novas posições de Arboleda e Bruno Alves. Cuca inverteu os zagueiros diante do Palmeiras e deve permanecer com a mudança, pensando em uma saída de bola com mais qualidade.

 

Deste modo, o São Paulo que enfrentará a Chape nesta segunda será formado por: Tiago Volpi, Hudson, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo. Luan, Tchê Tchê e Hernanes. Pato, Raniel e Antony.

 

Seria esta a escalação ideal para o momento? Comente!

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Dica do Perrone: empresa hype californiana lança meias do Tricolor!

Provavelmente você já ouviu falar da Stance. A empresa californiana, fundada em 2009 por Jeff Kearl, dá vida e cor a um dos ítens mais sem graças do nosso guarda-roupa: as meias.

 

Inicialmente a Stance começou as atividades vendendo seus produtos apenas através de lojas multimarcas de surf e streetstyle. Hoje, os produtos são tendência no segmento e estão presentes em mais de 40 países através de revendedores, lojas parceiras e unidades próprias.

 

O barato das meias Stance são seus temas e cores. A ideia é tão bacana que hoje em dia a gente vê muita gente exibindo o item, antes discreto, nas ruas das principais cidades do mundo. Hoje a Stance, que está no Brasil e tem loja própria na Internet, investe em clubes brasileiros e o São Paulo é um deles.

 

 

Achei genial a parceria. Você pode adquirir os pares de meia avulsos ou em um Kit bem bacana neste link. O material é de bom gosto e a qualidade é excelente. Tenho alguns pares de meias deles e comprovo. Fica a dica aos seguidores que gostam da marca e amam o Tricolor.

 

Ah, se a Stance quiser dar um kit para o blogueiro aqui, eu ficaria bem grato 🙂

 

PS Este post não é um publieditorial. É recomendação mesmo.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Jean e Gabriel Sara: destaques do Tricolor em jogo-treino no CT

O São Paulo realizou um jogo-treino na tarde desta quarta-feira, no CT da Barra Funda. O adversário foi o Votuporanguense, clube do oeste do estado que atualmente disputa a série A2 do Campeonato Paulista.

 

Para a partida, Cuca só contou com os atletas que não atuaram os noventa minutos diante do Palmeiras no último sábado e alguns atletas da base. O Tricolor venceu o jogo por 2×0 com gols de Vítor Bueno e Diego mas os destaques foram o goleiro Jean e o meia Gabriel Sara.

 

Jean foi responsável por manter o São Paulo sem tomar gols no jogo-treino. Já Gabriel Sara foi um dos mais participativos, finalizando muito a gol. Só na segunda etapa, o goleiro do Votuporanguense praticou três boas defesas de chutes do ex-base. A comissão técnica também observou jogadores que ainda estão no CFA de Cotia. Um deles é o promissor Rodrigo Nestor.

 

Nesta quarta, Cuca ainda comanda treino com os titulares. O São Paulo enfrentará a Chapecoense na próxima segunda-feira, no Morumbi e os ingressos já estão à disposição para o Sócio Torcedor.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Entenda melhor o que seria um clube/empresa e suas vantagens ao torcedor

O estudo Clube/Empresa, criado no ano passado para mostrar o projeto que separa o futebol do clube social, está nas mãos do Conselho de Administração do São Paulo deste o início de 2019 e o momento atual é propício para a volta do assunto.

 

Caso seja aprovada, a PL 5082/2016 dará aos clubes brasileiros a escolha e o direito de se transformarem em empresas, ou seja, de abrirem mão da extensão F.C ou E.C (entre outras) para atribuírem SAF, Sociedade Anônima de Futebol, em suas instituições. Desta maneira, os clubes estariam aptos a receberem uma grande injeção de investimento privado e terem cotas abertas no mercado financeiro.

 

Mas será que esta medida é boa para os clubes? Há prós e contras. Para você, que ainda não conhece o que seriam essas atribuições, vale a explicação retirada de alguns profissionais que estudaram o assunto. A primeira delas é se uma S/A assumiria toda a gestão de um clube, por exemplo.

 

“A empresa que assume a gestão do futebol não está assumindo o clube, mas apenas o futebol. Não está nascendo um novo clube. O passivo contraído está no nome de quem tem a obrigação de saná-lo, o clube. A empresa que assume a gestão, em tese, não pode ser responsabilizada por uma dívida que ela não contraiu. Funciona da seguinte forma, um clube associação desportiva sem fins lucrativos, em tese, não pode ser comprado. Uma empresa assume a gestão do futebol profissional e fica responsável pelos lucros e gastos ao longo de sua gestão”, explicou o advogado especialista em Direito Esportivo Igor Serrano ao Blog Lei em Campo, do UOL Esporte.

 

Porém, é obvio que o modelo a ser adotado pelos clubes interessados em virar uma empresa seja protegido juridicamente de gestões temerárias. A intenção é que, com capital aberto e gestão 100% profissional, acabem de vez as administrações baseadas em cargos políticos que, na maioria das vezes, delegam compromissos a pessoas sem capacidade ou competência para tal.

 

Um ponto essencial na mudança será o papel do torcedor, escanteado na grande maioria dos clubes. No caso de uma S/A, com ações na bolsa de valores, os torcedores podem se tornar acionistas, com real aquisição de patrimônio futebol e poder de exigência sobre as gestões. Atualmente no São Paulo, o destino do futebol é traçado pelo Conselho Administrativo (sete pessoas), Conselho Deliberativo (cerca de 240 pessoas) e pelos sócios (cerca de sete mil), em números aproximados.

 

Com uma S/A, os investimentos no futebol, coração de um clube, podem crescer substancialmente. Diferente do modelo atual, atrelado a TV, patrocínios e marketing. Um empresário poderá comprar uma ação de qualquer clube na bolsa, e aumentar o poder dos clubes que estão neste modelo.

 

Algo precisa ser mudado, não só no São Paulo como no futebol brasileiro como um todo. Para mim, o segredo será o Tricolor entender bem até onde se pode chegar e realizar a mudança com competência e segurança, sem vícios ou amarrações políticas. Difícil, mas possível. De acordo com o Torcedores.com, na Lei do Profut aprovada em 2015, já constava a permissão para os clubes se tornarem empresas. No entanto, a presidente Dilma Rousseff fez alguns vetos e, entre eles, estava o novo modelo de gestão.

 

Parece que neste novo governo, as coisas parecem ganhar nos rumos e a PL 5082/2016 poderá vingar.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Carta ao técnico Cuca: “jogar bem e bonito para futuras conquistas”

Prezado técnico Cuca;

 

Aqui quem vos escreve é o torcedor Daniel e não o blogueiro que teve a oportunidade de conversar com você algumas poucas e boas vezes sobre futebol, por telefone ou mesmo no CT da Barra Funda.

 

Creio que sou um torcedor com perfil diferente da maioria dos são-paulinos, principalmente daqueles mais jovens, que não tiveram idade para reverenciar os grandes títulos dos anos noventa ou até mesmo o período de 2005, quando o Tricolor alcançou pela terceira vez o topo mundial. Antes de exigir títulos, sou do tipo de torcedor que essencialmente gosta do jogo bem jogado, bonito, como fazíamos nas gloriosas épocas de Cilinho e Telê Santana. Não me entenda mal: vibro, e muito, com conquistas de campeonatos e sei que um clube grande como o São Paulo vive delas. Porém, minha maior alegria no futebol é comparecer toda semana no Morumbi e sair de lá com uma partida bem jogada do São Paulo na memória. Para mim, o bom jogo é fundamental e os títulos virão como consequência natural da boa execução desta filosofia. Essa é a essência do futebol brasileiro. É assim que aprendi a ver o futebol.

 

Por este motivo, peço a você que faça o São Paulo voltar a jogar bem e bonito, para que os títulos tenham grande chance de chegar ao Morumbi. Crie um time com a essência do futebol-arte e, por que não, uma pitada de “raça celeste” e “aqui é trabalho”. Cuca, você tem experiência e costas largas para criar uma identidade de jogo que faça o São Paulo voltar a ser São Paulo dentro de campo, já que fora dele nem você nem eu temos condições de mudar nada. Você tem currículo para mudar o campo.

 

Prezado técnico Cuca; está em suas mãos a excelente oportunidade de montar um elenco que jogue bem e bonito neste segundo semestre. Pode ter certeza que jogando desta maneira no São Paulo, os títulos voltarão às prateleiras do Memorial do Morumbi. Toda força a você e sua comissão técnica. Na esperança de um futebol bonito e bem jogado, estarei no Morumbi apoiando o Tricolor.

 

Saudações Tricolores!

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.