Search Results For : Adidas

Detalhes da ação de divulgação das novas camisas Adidas/SPFC 2018/2019

A próxima quinta-feira promete ser de muita emoção para o torcedor São-Paulino. Será no dia 12 de julho o evento de apresentação das novas camisas de jogo da Adidas, fornecedora anunciada no dia 27 de fevereiro. O evento a princípio está agendado para o estádio do Morumbi, com presença do elenco, patrocinadores e convidados.

 

Kaká e Aloísio Chulapa são os convidados de honra para apresentarem as novas peças. A camisa #1 é a que envolve mais expectativa pois já é sabido que terá as faixas no peito e o patrocinador Banco Inter na parte debaixo das faixas. Já a camisa #2 também promete bastante, com a cor preta em destaque, segundo algumas fontes. Há também a possibilidade dos escudos do clube estarem sem as estrelas, como sugeriu algumas imagens que circularam pela internet.

 

Veja imagem sugerida da camisa #2, vazada na internet.

 

Há também a possibilidade do torcedor conhecer o homem forte que estará entre o São Paulo e a marca Alemã. Recentemente a Adidas colocou uma vaga executiva para trabalhar o produto São Paulo. Segundo o site da Adidas, esta vaga já foi preenchida.

 

O Banco Inter, patrocinador master do clube, já começou a pré-venda exclusiva do material. Quem for correntista do banco poderá adquirir em primeira mão as camisas de jogo do Tricolor antes dos demais torcedores. É mais uma boa ação, que privilegia quem está alinhado com o patrocinador. O banco Inter ultrapassou a marca de 600 mil correntistas em maio e a meta é chegar a um milhão de clientes até o final do ano.

 

A nova camisa #1 Tricolor estreará oficialmente no dia 18 contra o Flamengo no Maracanã. O jogo marca o duelo entre o líder do campeonato e o terceiro colocado. Se vencer, o São Paulo ficará a um ponto da liderança do torneio.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Supostas camisas de jogo vazadas sugerem distintivo sem as estrelas

Duas imagens que circulam pela internet (camisas de jogo de goleiro e #2 listrada), estão mexendo com o imaginário do torcedor Tricolor. Além de mostrarem um visual mais parecido com o que a Adidas costuma fazer no mercado, as imagens sugerem uma grande novidade: a ausência das estrelas no distintivo.

 

A ausência das estrelas nos uniformes de jogo, se de fato acontecerem, representarão mais uma significativa mudança em relação ao padrão usado nas últimas décadas. O Tricolor primeiramente incorporou as duas estrelas amarelas (recordes mundiais do salto triplo com o Adhemar Ferreira da Silva) no seu uniforme, depois incluiu duas estrelas vermelhas que representam os mundiais de 92 e 93 e, a partir de 2006, adicionou a terceira estrela vermelha, representando o título mundial do ano anterior.

 

Há gente bancando a alteração do escudo nas camisas. Gosto da ideia. Para mim as conquistas deveriam ficar somente na bandeira e na papelaria do clube, e isso não diminui nada a história contada. Neste caso, prefiro um visual clean, que possibilitaria uma melhor percepção do nosso escudo.

 

E você, torcedor?

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

O início de trabalho e os primeiros produtos da Adidas para o São Paulo

O treino aberto do último sábado, evento promovido pela Adidas para marcar o início de seu trabalho com o Tricolor, foi considerado positivo pela marca e também pelo clube. Cerca de 2.300 torcedores tiveram oportunidade de matar a saudade do Morumbi e do elenco. Eles assistindo um ‘rachão’ e tiveram o primeiro contato com a primeira leva de material produzido pela nova fornecedora.

 

Veja os primeiros uniformes da Adidas, à venda em seu site oficial.

 

Com relação aos uniformes de treino e viagem, uma linha simples foi disponibilizada para os jogadores e torcedores, com a justificativa do pouco tempo para a produção. “O que produzimos em quatro meses normalmente é produzido em dezoito” disse Luiz Gaspar, Head de Football da Adidas para o designer Glauco Diógenes, no ÉQUARTAFEIRA, seu programa no youtube.

 

O escudo, na coloração dourada, foi o maior alvo de críticas e elogios dos torcedores. Minha preferência é sempre por produtos mais tradicionais e básicos porém o ponto que mais causou turbulência na re-estreia da Adidas não foi o dourado e sim o fato do escudo estar desalinhado em relação a versão oficial. Esse detalhe precisa urgentemente ser revisto, já que o distintivo do clube é o seu maior cartão de visitas. A pressa também é explicitada na diferença entre a cor do logo Adidas e do escudo do SPFC: um é branco e o outro é dourado, diferente do padrão seguido no resto de camisas dos clubes do mundo. O restante é questão de gosto e a fornecedora certamente estará atenta ao feedback nas redes e no retorno de vendas.

 

Uma coisa é fato: por ser Adidas e pela enorme expectativa que a marca criou desde o seu anúncio relâmpago, o torcedor esperou mais dos primeiros uniformes. Apesar do erro feio no alinhamento do escudo, isso sim alvo de duras e justas críticas, vale lembrar que a parceria está apenas começando e a marca tem excelência em qualidade no mundo todo. “Ainda estamos conhecendo o clube” disse Luiz Gaspar na entrevista feita com Glauco Diógenes.

 

Diante de todo o cenário, dá para prever substanciais melhorias: a Adidas é gigante, certamente irá colher o feedback e afinar os produtos com o tempo necessário, agregando qualidade, história do clube e elementos inovadores que os torcedores mais jovens tanto gostam. Basta ter paciência que a produção se encaixará a expectativa do torcedor. É a minha expectativa.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.