Search Results For : São Paulo FC

Tabelinha entre TRI Mundiais!

Mesmo time – O São Paulo realiza o último treino antes de enfrentar o Fluminense nesta terça-feira. Após o treino, a delegação se preparará para viajar para o Rio de Janeiro e deverá desembarcar na Cidade Maravilhosa a noite. Dorival Junior deverá manter a equipe que venceu o Atlético Paranaense no Pacaembú, isso é, Maicosuel deverá iniciar o jogo no banco de reservas.

 

O rival – O Fluminense, também com risco de rebaixamento, faz promoção de ingressos para a partida contra o São Paulo com ingressos populares a R$ 20,00 no Maracanã, palco do confronto. O Tricolor carioca encerrará a preparação para a partida também nessa quarta-feira. Apesar de liberados pelo departamento médico, Henrique e Welington Silva não devem jogar.

 

Ativista do Esporte – O ídolo Tricolor Raí esteve no Roda Viva (TV Cultura) nesta última segunda-feira. Entre outros assuntos, o eterno camisa 10 comentou brevemente sua atuação no São Paulo atual e soltou uma novidade para o torcedor. Raí disse que o São Paulo está em transformação, regido desta vez por um novo estatuto que, segundo ele, é atual e ousado. O ex-jogador ainda contou que o estudo para separação do futebol e clube, previsto pelo estatuto, está em andamento e deverá ser apresentado no final do ano.

 

15% OFF – O torcedor que entrar neste link terá no mínimo 15% de desconto em toda a loja São Paulo Mania, oficial do Tricolor. Os descontos só não servirão para as camisas de jogo porém as camisas 1 e 2 já estão com o preço promocional de R$ 139,90 cada. Vale dar uma pesquisada nos produtos: achei bons preços na linha treino e retrô, por exemplo.

 

Operação Kaká – Com ‘portas abertas’ por Leco no clube e prestigiado por Lucas (PSG) e Lucas Pratto, o retorno do veterano Kaká ainda causa divergência entre torcedores e conselheiros do São Paulo. O fato é que para trazer o meia pela terceira vez, o clube terá que contar com parceiros comerciais e futuros patrocinadores para o pagamento de pelo menos parte dos salários. A enquete do blog está no ar: você gostaria de contar com a volta do meia? Vote e o resultado será divulgado aqui e encaminhado aos conselheiros do clube. (a enquete está no fim da timeline em caso de celular e ao lado do post em caso de laptops e computadores)

 

Rei das Viradas – O jornalista Mauro César Pereira apontou um fato interessante no último Troca de Passes, da ESPN Brasil. Apesar da ainda delicada situação na tabela, o São Paulo faz uma coisa que poucos clubes fazem no campeonato: vira placares. Aconteceu contra o Botafogo, o Cruzeiro e agora com o Atlético Paranaense. Essa característica aguerrida, segundo Mauro, é um diferencial para na luta contra a degola.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

DNA é ofensivo, mas São Paulo ainda precisa encontrar o caminho do gol

Quatro minutos do segundo tempo. Sidclei avança como quer no lado esquerdo e cruza para Gedoz. O meia cabeceia no gol, Sidão não segura e Douglas Coutinho empurra para as redes. O São Paulo venceu a partida mas qual torcedor das arquibancadas do Pacaembú ou sofás do Brasil não pensou no pior durante os intermináveis dez minutos que separaram o gol do Atlético Paranaense do empate?

 

O Tricolor trabalhou em cima do Atlético Paranaense o primeiro tempo inteiro mas, assim como em outros jogos, não conseguiu o avanço vertical para os chutes a gol. O time venceu com méritos neste sábado, mas só encontrou o gol de Weverson nas poucas falhas da defesa paranaense, sobretudo nas saídas de bola.  O contra-ataque, a bela jornada de Cueva e a preciosa contribuição dos raros espaços deixados pelo adversário definiram o placar.

 

O trabalho de Dorival Junior tem por natureza a ofensividade. O técnico costuma exigir dos seus comandados um número de passes e finalizações que sempre creditam ao time o status de ‘proponente’, isso é, que propõe o jogo. Foi assim com o Santos, por exemplo. A construção do DNA santista em sua passagem pela Vila Belmiro aconteceu através das exigências diárias de performance. Jogo a jogo, Dorival exigia ‘X’ números de troca de passes e finalizações de seus comandados. Não é um trabalho da noite para o dia e no caso do Santos aconteceu com Neymar, Renato, Elano, Ganso e muito treino. Hoje até dá para enxergar o estilo de Dorival aplicado no atual Tricolor mas o time ainda não conseguiu o principal fundamento daquilo que pede o seu treinador: as finalizações.

 

Não adianta ter todos os atributos de uma equipe que propõe o jogo sem chutes a gol. Neste momento o principal desafio de Dorival Junior é implementar no São Paulo o que conseguiu fazer no Santos e fracassou em outros clubes: um time ofensivo e eficiente. Para isso é preciso ter tempo, boas peças e tranquilidade para trabalhar.

 

Torço muito para que ele chegue lá. São Paulo acima de tudo.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Metade dos leitores preferem Adidas, caso a Under Armour saia do clube!

Mais de duas mil e quinhentas pessoas participaram da enquete realizada pelo Blog São Paulo Sempre entre os dias 19 de setembro e 13 de outubro de 2017. A enquete perguntou qual seria a marca preferida do torcedor, caso a Under Armour saia do clube. Veja os resultados finais:

 

Total de participantes: 2.563
Votos na Adidas: 1.300 (51% dos votos)
Votos na Nike: 581 (23% dos votos)
Votos na Puma: 444 (17% dos votos)
Votos na Umbro: 165 (6% dos votos)
Votos em outras: 73 (3% dos votos)

 

Tricolor e Under Armour discutem possíveis ajustes no contrato de fornecimento de material esportivo, iniciado em 2015. No contrato, a marca americana deve pagar ao clube R$ 135 milhões de reais por um período de cinco anos. Serão R$ 75 milhões em dinheiro e R$ 60 milhões em material, de acordo com matéria divulgada no Globoesporte.com em dezembro de 2014.

 

Torço para que Under Armour resolva o problema com o São Paulo e permaneça até o fim do acordo. Enquanto o imbróglio não é solucionado, o torcedor indicou sua preferência. A Adidas já patrocinou o clube, com camisas antológicas como a TAM/Adidas de 1996, BIC/Adidas 1987 e a Coca-Cola/Adidas de 1988 a 1989.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Às vésperas dos shows do U2, imagem do estádio do Morumbi é desoladora!

Estive no Cícero Pompeu de Toledo nesta sexta-feira, 13 de outubro. O estádio vem sendo preparado para receber os shows do U2 e Bruno Mars, que obrigarão o clube a mandar seus próximos cinco jogos no Pacaembú. A imagem do Morumbi pré-shows é desoladora.

 

Como se pode ver na foto, tirada do Restaurante Amani (que fica atrás do gol do portão principal) pode se ver o campo sem a totalidade do seu gramado e muitas cadeiras danificadas na arquibancada laranja. O clima de reforma e adequação aos eventos dão um ar dramático ao estádio. Como fui assistir Blade Runner 2017 no feriado, a comparação ficou inevitável: o Morumbi está parecendo o fim do mundo!

 

O São Paulo aproveitará os shows, acertados no final do ano passado, para reformar as cadeiras de todas as arquibancadas. Os vestiários e banheiros de todos os setores do estádio também sofrerão reforma, em parceria com marcas como a Deca, porém essas reformas devem acontecer após o fim da temporada.

 

O Tricolor encerrará sua participação no Campeonato Brasileiro em casa, diante do Bahia. Dependendo do andamento do campeonato, este poderá ser o jogo mais importante do ano para paulistas e baianos.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

OPINIÃO Atlético MG 1×0 São Paulo

Resultado justo em Belo Horizonte. Tão justo que não deu nem para reclamar do Heber Roberto Lopes. Com um gol de pênalti, o Atlético MG fez o seu dever de mandante, estancou o bom momento Tricolor e se alivia na tabela do Campeonato Brasileiro. A equipe mineira, ameaçada pela degola, agora está a dois pontos do G7.

 

O jogo teve dois momentos táticos: antes do gol e depois do gol. Até o tento de Fábio Santos, no começo da segunda etapa, a partida era amplamente dominada pelo Galo. Os atleticanos até mereciam sorte melhor no primeiro tempo, com Sidão protagonizando defesas difíceis diante dos leves Robinho, Casares e Valdívia.

 

Depois do gol o Galo recuou e deu a bola para o São Paulo jogar, algo que não tinha permitido até aquele momento. Dorival mexeu na equipe e foi em busca do empate. Vitor até fez duas boas defesas, garantindo os três pontos mas no conjunto da obra o Atlético foi mais perigoso que o Tricolor, mesmo atrás da linha da bola. O motivo? O meio criativo atleticano é melhor que o meio criativo são-paulino, ainda mais sem Cueva. Simples assim. Ah, Arboleda não é um Darío Pereyra mas também fez muita falta hoje. Que pênalti infantil fez o Bruno Alves!

 

Deixando a emoção um pouco de lado, foi um resultado previsível dentro da tabela estimada de resultados, mas a sensação é que o time podia ter feito mais dentro de campo. O Tricolor voltará a jogar no próximo sábado diante do Atlético PR, no Pacaembú. A vitória é essencial, bem como a presença do torcedor do Maior do Mundo. Este sim, não abandona nunca!

 

Nota dos personagens da partida:

Sidão Boas defesas. Sem culpa alguma no resultado. Nota: 8,0

Militão Promissor, mas teve trabalho com o lado esquerdo atleticano. Nota: 5,0

Bruno Alves Pênalti infantil, comprometendo muito a atuação. Nota: 3,0

Rodrigo Caio Dentro das cirsunstâncias, boa partida. Nota: 5,5

Junior Tavares Teve muita chance no seu lado, mas errou muito. Nota: 4,5

Petros O melhor Tricolor na linha. Nota: 6,0

Hernanes Partida abaixo do que costuma render.  Nota: 4,5

Gomez É esforçado mas erra muito. Totalmente descalibrado. Nota: 4,0

Lucas Fernandes Outro dedicado, mas apagadíssimo em campo. Nota: 4,0

Marcos Guilherme Não apareceu para o jogo em BH. Nota: 4,0

Pratto Duas chances e pouca participação. Nota: 4,5

Shaylon Algumas boas cobranças de bola parada e boa movimentação. Nota: 5,5

Maicosuel Muita correria, pouco tempo, pouca eficiência. Sem nota.

Jucilei Pouca participação. Sem nota.

 

Dorival Junior Equipe acuada na primeira etapa, só se soltando após o recuo do mandante. Partida fraca do São Paulo na note desta quarta, porém extremamente difícil, ainda mais sem Cueva, Arboleda e com um banco de qualidade duvidosa para um clube tão grande. Nota: 4,5

 

Leia outras notícias do blog São Paulo Sempre aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.