Search Results For : São Paulo FC

Mary Souza: da web para o Morumbi!

Nação do Maior do Mundo;

 

Mariângela Jessica Souza, ou para muitos internautas, simplesmente Mary Souza. A belíssima campo-grandense de 23 anos que estampa a página de janeiro do Calendário do site Arquibancada Tricolor não vê a hora de conhecer o Morumbi. Ao blog São Paulo Sempre ela disse que até fez pedido para Iemanjá para casar no templo sagrado Tricolor, em uma dessas viagens de fim de ano. Agora, começa a colher os frutos da dedicação que tem com o Maior do Mundo.

 

Mary contou ao blog que virou são-paulina por causa de um ex-grande amor da vida. Para acompanhar o fanático paquera, ela sempre assistia os jogos do Tricolor ao seu lado, na TV. Aos poucos, foi se encantando com Kaká, Rogério Ceni e cia e também virou fanática pelo clube. A paixão foi tanta que, em seu primeiro ensaio na internet, Mary pediu para homenagear o São Paulo, fotografando com o manto. O ensaio começou a rodar grupos de torcedores e viralizou. Fez tanto sucesso que Mary ficou conhecida nas redes sociais, fato que lhe rendeu o trabalho para o Arquibancada Tricolor, ao lado de tantas outras musas já consagradas pelos torcedores.

 

O relacionamento com o paquera são-paulino já acabou, mas a paixão pelo São Paulo permanece mais viva que nunca. A sul-mato-grossense agora espera realizar o sonho de pisar no Cícero Pompeu de Toledo ainda neste ano, acompanhar de perto o clube do coração e, quem sabe, um dia casar-se com um são-paulino, tal qual foi o pedido feito a Iemanjá. Alguém se habilita?

 

Veja as fotos do ensaio de Mary Souza neste álbum.

(fotos: Arquibancada Tricolor)

 

Pocket entrevista Mary Souza

 

Mary, você é capa do mês de janeiro do calendário Arquibancada Tricolor. Conte para o Blog São Paulo Sempre quais são os seus futuros planos de carreira. Pretende representar o Tricolor em algum concurso?

Pretendo começar pelo musa nacional da minha cidade onde moro e sou natural daqui Campo Grande MS. Até ficar mais conhecida e logo pretendo me candidatar a musa tricolor pelo Brasil.

 

Quais são os seus ídolos de infância no futebol? Já foi ao Morumbi?

Meus ídolos são Rogério Ceni  e Kaká. Nunca fui ao Morumbi e quando eu for, será um sonho realizado. Pretendo visitar o estádio e ver o Tricolor em fevereiro. Vamos ver se dá certo!

 

Você bota fé neste time formado por Rogério Ceni em 2017?

Com certeza! Rogério Ceni foi um jogador muito experiente, por isso acredito na formação que ele fará. O time vai dar certo.

 

Qual é o seu grande sonho, no futebol e na vida?

Meu grande sonho no futebol é ir ao Morumbi. Estou realizada na minha vida mas sempre almejo meu melhor e um dia espero ter o meu próprio negócio.

 

O que você faz para manter esse belo corpo?

Muito treino e dieta balanceada. Apesar de amar doces, me mantenho na linha.

 

Quais são os seus hobbies? Dança, barzinho, parque?

Não sou muito de sair em festas e baladas e não costumo beber. Gosto de praticar esportes como corridas, danças me considero aventureira. Sempre tenho algo engraçado para lembrar quando viajo. Ah, gosto de soltar a voz de vez em quando, apesar de não ter uma voz boa pra cantar… (risos)

 

Por fim, deixe um recado para a grande torcida Tricolor!

Quero mandar um “salve” aí pra galera Tricolor e dizer que conto com essa torcida maravilhosa pra me ajudar a ganhar o título de “Musa Tricolor”, representando o São Paulo. Quero deixar um abraço meu a todos e vamos em frente: que 2017 seja um ano de muitas vitórias!

 

Ficha técnica:

Nome: Mariângela Jessica Souza

Idade: 23 anos

Altura: 1,55m

Peso: 51kg

Instagram: mary.oficial_

Facebook: Mary Souza

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Com entrada de novo patrocinador, marketing Tricolor atinge meta inicial para 2017.

Nação do Maior do Mundo;

 

Em novembro do ano passado o blog divulgou os números atingidos pelo marketing Tricolor no ano de 2016. Foram R$ 44 milhões de reais conquistados, um pouco mais que escrito no texto publicado. Além dos números, a credibilidade voltou a ser tratado como referência no clube neste setor.

 

Segundo o Diário Lance!, hoje, com a inclusão de um novo patrocinador (o Banco Intermedium) e a manutenção de oito patrocinadores com contratos em vigência, o clube afirma que atingiu a meta inicial de ficar entre R$ 35 e 40 milhões, estipulada para 2017. Deste modo, creio que o clube não ganhou rios de dinheiro com a entrada do banco e sim compensou um menor investimento da Prevent Sênior, que antes ocupava frente e verso da camisa e agora ficará somente com a parte da frente. Com a manutenção de valores, o Marketing Tricolor mostra que não fica mais ‘fazendo doce’ no mercado e trabalha diversos parceiros em diversas propriedades.

 

De acordo com o site Máquina do Esporte, o Banco Intermedium também receberá o pacote de ativações que tem sido usado em outros patrocínios: camarote no estádio, exploração das redes sociais do clube e exposição em placas de Centro Treinamento. Muitos questionam sobre os valores do novo acordo. O contrato com a Intermedium terá obrigatoriamente que ser submetido ao Conselho do clube, seja pelo valor, seja pelo prazo. Logo que for submetido, os conselheiros saberão todos os detalhes do acordo. Somente após isso, os números serão públicos.

 

Comparado a outros grandes clubes, o Tricolor ainda está em um patamar abaixo de valores. O Flamengo acabou de anunciar um acordo milionário com a tailandesa Carabao, o Palmeiras está prestes a renovar e ampliar o acordo com a Crefisa e o Corinthians, apesar de todas as suspeitas envolvendo o governo Lula e as empreiteiras, ainda está bem calçado com a Caixa. O fato é que a terceira maior torcida atualmente é a quarta em arrecadação em receitas, isso contando todas as propriedades, incluindo o Morumbi. Não existe mágica para alcançar valores maiores: é preciso antes de qualquer coisa sanear as dívidas com uma gestão profissional e se restabelecer como um clube de negócios idôneo e confiável. A última parte o Tricolor já conseguiu. Falta agora, com o auxílio do Novo Estatuto, corrigir a primeira.

 

O marketing Tricolor foi, entre poucas coisas, uma grata surpresa em 2016 e pretende no mínimo manter esses números para 2017. Pode melhorar? Sempre poderá, e isso é premissa básica neste setor que cada vez mais contribui com receitas de um clube profissional. O importante é que a roda novamente está girando.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Tabelinha entre TRI Mundiais!

Ele voltou! Lembram dele? Cristian Colmán volta a ser alvo do Tricolor. O Nacional (PAR) parece reconsiderar a oferta e forma de pagamento do São Paulo e o centroavante, aprovado por Rogério Ceni, poderá vestir a camisa do Maior do Mundo ainda em janeiro. A opinião do jogador parece pesar na decisão, mas isso também me cheira a “tentei outras ofertas melhores, não veio nenhuma melhor que esta do São Paulo e agora tenho que ceder”.

 

Copinha A Copa São Paulo de Juniores começa dia 03 para o São Paulo. Tricampeão da competição, a equipe de André Jardine vai desfalcada de vários atletas sub20 que conquistaram ‘tudo’ ano passado. A maior ausência será o meia Shaylon, que foi convocado por Ceni para a pré-temporada nos Estados Unidos. O último título, em 2010, revelou jogadores como Lucas Moura e Casemiro. Apesar de não ser o maior vencedor do torneio, o Tricolor venceu mais ‘Majestosos’: considerando resultados conhecidos no histórico da Copinha, de dez jogos o Tricolor venceu cinco, perdeu quatro e empatou apenas uma vez com o Corinthians.

 

A lista Tricolor! O São Paulo já dispensou seis atletas do elenco de 2016: Mena, Kelvin, Jean Carlos, Daniel, Michel Bastos e Carlinhos. Com a recusa de João Schmidt em renovar seu contrato, esse número deverá ser maior. Outro atleta de sobreaviso é Robson. Contratado junto ao Paraná Clube, o atacante teve poucas oportunidades e terá seu contrato encerrado após o Campeonato Paulista. O jovem Léo teve seu contrato renovado, mas não estará com o elenco neste ano. As vagas por enquanto são ocupadas por atletas da base e os novos reforços Cícero, Neílton, Wellington Nem e Sidão.

 

Aviso aos torcedores O Campeonato Paulista terá a volta dos preços regulares. A federação não aceita a política dos ‘dez reais’ que o Tricolor praticou no fim do Brasileirão. Porém, os descontos serão repassados via Sócio Torcedor. Você que é ST, aproveite o mês tranquilo e regularize sua mensalidade para não pagar os prováveis R$ 40,00 tabelados no torneio.

 

Parcialmente em vigor! O Novo Estatuto do São Paulo começou a ser parcialmente executado em 2017. Segundo o site oficial do clube, à partir de janeiro de 2017, novas regras institucionais, de fiscalização e controle de gastos, governança e transparência deverão ser respeitadas por quem está comandando o clube. Outras mudanças relacionadas a forma de gestão e composição administrativa do clube, entrarão em cena após as eleições de abril.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Três motivos para acreditar que 2017 será diferente de todos os outros

Nação do Maior do Mundo;

 

O São Paulo de 2017 será bem diferente de todos os demais anos de sua história.

 

Não é papo de primeiro de janeiro. É fato. Inevitavelmente, o clube terá um ano muito peculiar e precisará conduzir muito bem as novidades que vem por aí para que não se perca nas transformações.

 

O Novo Estatuto, que estará em vigor em abril (juntamente com as eleições para o novo presidente) foi concebido em longos meses e iniciará um caminho sem volta para um clube que passou boa parte dos seus anos muito bem sucedido sob o regime amador. O futebol mudou, os clubes brasileiros estão evoluindo e o São Paulo precisou se adaptar, começar com a adesão ao Profut, a descentralização do poder do presidente e a extinção dos cargos nomeados, aqueles que qualquer pessoa pode exercer, desde que ela seja aliada ou ‘combinada’. Resumidamente: mais especialização e menos política. O grande desafio será fazer essa nova roda girar, principalmente encontrando consultores profissionais de confiança, isenção, competência e ao mesmo tempo disponibilidade para ingressar no conselho administrativo, que terá elementos vitalícios e viciados na política de clube. Quem quer que seja o novo presidente em abril, a gestão será acompanhada por este futuro conselho administrativo, que terá três consultores isentos entre nove membros. Um passo em falso e os abutres voltarão com seus dedos. “Eu avisei, vamos voltar ao que éramos antes”. Todo cuidado é pouco.

 

Dentro de campo a novidade é Rogério Ceni. O novo treinador do São Paulo é uma doce incógnita, escolhida a dedo para fazer com que 2017 seja realmente peculiar. Rogério vem com gás, novos métodos, experiência de anos e anos nos gramados e a plena confiança do torcedor. Com ele, o jogador que não se dedicar sabe que será massacrado publicamente pela opinião mais voraz do futebol, a de quem paga o ingresso. Isso porque Rogério será o último a ser poupado, pelo menos nos seus primeiros doze primeiros meses.

 

Por último, mais uma grande quebra de paradigma. A Base Tricolor obrigatoriamente mais presente. Cotia é linda, mas não dá tanto resultado quanto o torcedor espera. Isso pode mudar. Em 2017 veremos um São Paulo com muitas caras literalmente novas nos treinamentos e rachões da Barra Funda. Isso porque a nova medida de subir todos os atletas acima de 20 anos entrou em vigor neste ano. Para que isso acontecesse, no ano passado o clube reformou todos os contratos dos seus jovens. O trabalho ‘invisível’ e brilhante do futebol do São Paulo em 2016 fez com que praticamente todos os atletas de 20 anos para baixo fossem agora de propriedade econômica predominante ou total do clube. A pergunta a ser respondida neste ano é: “os jovens, antes inibidos com a vinda de contratações de fora agora inibirão os reforços?” Ainda é cedo para avaliar se será bom ou ruim em questão de glórias e títulos para o torcedor, mas sem dúvida a novidade mexerá muito com a estrutura de transição Cotia/Barra Funda.

 

São novidades para lá de inéditas para um clube que sempre se caracterizou por ser fechado, de regime quase militar. Veremos como Cotia se sairá, assim como a implementação do novo estatuto e o trabalho do novo velho conhecido do torcedor brasileiro. Porém, a mudança é tão certa como a célebre canção de Lulu Santos: “nada do que foi será, de novo do jeito que já foi um dia”. 

 

Um bom 2017 para todos nós.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Saiba o que o SPFC ainda procura para fechar o elenco no início de 2017

Nação do Maior do Mundo;

 

De acordo com a imprensa esportiva, o Tricolor ainda está atrás de duas peças protagonistas para o elenco que iniciará 2017: um volante com características defensivas e um atacante de área com faro de gol.

 

O atacante de área pretendido no meio deste ano era Lucas Pratto. Segundo informações que obtive, o São Paulo chegou a acertar salários com o jogador após a Libertadores mas Daniel Nepomuceno, presidente do Atlético MG, brecou a negociação. Disse a Leco que a saída do argentino poderia desencadear um conflito com a torcida do Galo, recém eliminado da competição pelo próprio São Paulo. Hoje, valorizado e com seleção na bagagem, Pratto é praticamente inviável. Ricardo Oliveira também não foi liberado pelo Santos. Nomes como Nilmar e Ricardo Goulart foram sondados mas pelo visto há muita dificuldade de repatriação e Calleri deve permanecer na Europa. O paraguaio Colmán ainda está em pauta mas não duvido nada se vier alguma surpresa pesada até o início do Paulista. O clube pretende investir boa parte do que tem previsto no orçamento do futebol com esta posição.

 

O volante que o clube procura deve ter características defensivas e ser de preferência alto, segundo Ceni. O Tricolor mandou propostas para Felipe Melo (confirmada pelo jogador ao seu agente), Jucilei e também cogita nomes mais viáveis financeiramente, como Arouca (Palmeiras) ou Edson (Fluminense).

 

O fato é que o Tricolor subirá os garotos de 20 anos para cima (que não podem participar mais dos torneios de base) e deve fechar o grupo que irá para os Estados Unidos sem essas duas posições pretendidas. Rogério rodará muitos jogadores durante os amistosos preparativos da Florida Cup. O clube não considera o torneio algo importante em termos de conquista, por isso usará os jogos para que o treinador tenha mais oportunidade de testar melhor os atletas e variações táticas.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.