Search Results For : São Paulo FC

OPINIÃO Audax 4×2 São Paulo

Nação do Maior do Mundo;

 

Não foi a estréia que o torcedor do São Paulo imaginava. Descompactada e repleta de erros defensivos, a equipe de Rogério Ceni sucumbiu diante do melhor conjunto do Audax e saiu da esvaziada Arena Barueri com uma significativa derrota.

 

Apesar do placar elástico, não vi domínio do Audax em cima do São Paulo. A equipe de Osasco fez a diferença nos lances capitais, contrastando com as bobeadas defensivas e a falta de compactação do Tricolor. A dupla de zaga Douglas/Maicon não se entendeu e Rodrigo Caio, que foi bem como zagueiro no ano passado, jogou boa parte da partida como primeiro volante. Creio que isso será corrigido com a iminente chegada de Jucilei. Foram quatro gols de tudo quanto é jeito: bobeada com a bola rolando, bobeada com a bola parada, pênalti infantil e “até” gol fruto de ótima jogada do adversário. Deu para ver claramente que o time arriou do meio do segundo tempo em diante. Nos poucos minutos que a equipe foi compacta, ela correspondeu.

 

Foi doído e nunca será normal perder assim de um time pequeno, mas quem entende de futebol já sabia a dureza que seria a partida. Nem céu nem inferno: não podemos endeusar nem crucificar ninguém no primeiro jogo da temporada regular. Ganhar o Paulista é muito difícil mas eu acredito que esse time ainda vai evoluir nos próximos jogos. Mas é preciso reforçar o elenco com mais um ou dois nomes de qualidade.

 

Nota dos personagens da partida:

 

Sidão Estrear com quatro gols não é bom para nenhuma goleiro. Nota: 4,5

Bruno Era para ele estar marcando de cabeça na bola parada? Nota: 4,5

Maicon Assim como todo o sistema defensivo, foi mal. Nota: 4,5

Douglas Desentrosado e sem ritmo de jogo. Falhou muito. Nota: 3,5

Buffarini O pior em campo. Uma atuação para esquecer. Nota: 3,0

Rodrigo Caio Melhorou quando voltou a ser zagueiro. Nota: 5,5

Thiago Mendes Tímida partida de alguém que será o motor do time. Nota: 5,0

Cueva Discreto no apoio. Boa cobrança no travessão. Nota: 5,5

Wellington Nem Saiu logo no início do jogo. Sem nota.

Luiz Araujo Muito pouco em campo. De novo, escolhas erradas. Nota: 4,5

Chavez Dois gols, algumas chances desperdiçadas e muita luta. Nota: 7,5

Cícero Entrou no lugar de Nem e virou até homem de área no fim do jogo. Nota: 5,0

João Schimdt Outro que foi apenas mais um no meio. Nota: 5,0

Gilberto Entrou no desespero, para bolas aéreas. Nota: 4,5

 

Rogério Ceni “É bom para cairmos na realidade” – disse Rogério na coletiva. Estréia ruim no início de sua trajetória. Mesmo com o ‘perigo’ da estréia, o time não poderia perder por um placar tão elástico. O time não foi compactado como deveria e não pressionou a saída de bola como deveria e deixou o adversário jogar a vontade. Como disse: não é o céu e nem é o inferno. Nota: 4,5

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

A caminho do Brasil, Jucilei canta até um trecho do hino do Tricolor

Nação do Maior do Mundo;

 

A caminho do Brasil, Jucilei tratou os torcedores do São Paulo de uma maneira no mínimo inusitada. Em uma de suas lives no Instagram, o volante cantou um trecho do hino do clube e disse “agora eu sou Tricolor Paulista”.

 

Acompanhado de seu empresário, o volante e o São Paulo esperam um desfecho feliz da novela de sua repatriação junto ao Shandong Luneng. O clube chinês o emprestará ao São Paulo até o final do ano. Além de voltar a um grande clube brasileiro, Jucilei quer estar mais perto de Tite, técnico da seleção brasileira. A Copa do Mundo já é no ano que vem e o volante sabe que se fizer uma boa temporada no clube, alimentará boas chances de convocação.

 

O desejo do São Paulo é antigo e a negociação foi revelada no blog em dezembro. Com Jucilei dando proteção a zaga, o São Paulo ganha mais corpo e qualidade de elenco e poderá sonhar alto no ano, caso ainda chegue um goleador para o grupo. Se por um lado a vinda de Jucilei é iminente, por outro a transferência de Hernanes para a China é dada como certa nos jornais europeus.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Caso Rogério: Ceni tenta reparar erro cometido por Edgardo Bauza em 2016

Nação do Maior do Mundo;

 

Alô, Rogério? Aqui é Rogério Ceni e contamos com você aqui de volta no Tricolor” – Não foram exatamente essas as palavras, mas o sentido é igual. O técnico gostaria de compensar a saída de David Neres antecipando a volta do seu xará, emprestado ao Sport até 31 de abril.

 

A negociação do “Neymar do Nordeste” se deveu ao fato dele constantemente não ter sido aproveitado em sua posição original no tempo em que Edgardo Bauza esteve no Tricolor. Não tinha jeito: o argentino insistia em colocar Rogério na armação das jogadas, matando a explosão das suas jogadas. De tanto jogar na tentativa de armar o meio-campo, o atacante perdeu a paciência, inventou uma desculpa qualquer e se mandou para Pernambuco.

 

Para mim, um grave erro de avaliação de Bauza naquela época. Rogério foi decisivo atuando pelos lados em vários jogos de 2015, inclusive marcando o gol que deu a classificação a Libertadores contra o Goiás, em Goiânia. O Sport está na dele e quer uma compensação para liberar o atleta. Wellington? Ceni não gostaria de perder o volante. Dinheiro? Duvido que o São Paulo tire o escorpião do bolso. Em caso de permanência de Rogério até maio, o jovem Caíque está de sobreaviso.

 

Cenas dos próximos capítulos…

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Tabelinha entre TRI Mundiais!

Pintou o desespero? A boca aberta do presidente do Audax já fez efeito no bolso do clube de Osasco. O fracasso de vendas pela ausência confirmada da maioria dos torcedores são-paulinos permitiu alguns estabelecimentos da cidade ‘desovarem’ ingressos encalhados para seus clientes; a famosa “Promoção comprou ganhou!” de supermercado. Eu já confirmei a minha ausência na Arena Barueri, e você?

 

Double Heineken no estádio! O torcedor tem uma bela opção para assistir o jogo de domingo e, de quebra, o Superbowl mais a noite: Pub e Poker, bar dentro do estádio, estará de portas abertas e “double Heineken” para quem quiser curtir a estréia do Tricolor sem dar dinheiro para o presidente do Audax. Leia a resenha do bar, convide os amigos e reserve sua mesa por lá: [email protected]

 

Inscritos no Paulista O São Paulo dedicou cinco vagas em aberto para o Campeonato Paulista. Dos 28 possíveis nomes no torneio, 23 estão inscritos e os outros nomes serão incorporados ao longo do torneio. Um deles poderá ser o jovem Caíque, que deverá tomar o lugar de David Neres e ser alçado ao profissional. Atacante canhoto que atua pelo lado direito, ele tem grande chance de subir ainda neste início de ano, caso Rogério não volte do Sport antes do fim do empréstimo.

 

Dança das cadeiras! José Eduardo Mesquita Pimenta 78 anos, é o candidato da oposição para concorrer com Carlos Eduardo de Augusto e Silva, também com 78 anos. Nada contra os idosos, até porque eu e você um dia chegaremos nesta fase, mas não dá para pensar em modernização assim. Leco e Pimenta são importantes na história do clube mas deveriam promover pessoas com mais fôlego, como Marco Aurélio Cunha e Julio Casares, mas o modelo de Conselho inibe a chegada de novas lideranças em nome da política. Esse é o velho São Paulo.

 

Co-irmão carioca? O Fluminense poderá ser o segundo clube a trabalhar com a Under Armour no Brasil. Em abril termina a exclusividade do São Paulo pelo país e, segundo o Instagram @flumidia, as conversas estão em fase de assinatura de contrato. Acho boa essa investida porque mostra que a marca expandirá seus investimentos no país, se solidificando ainda mais no futebol. Bom para o São Paulo e para todos que farão parte da cobertura da Under. PS: em 2018 qualquer clube do estado de São Paulo também poderá ser fornecido pela marca americana.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Giuliana Yumi: musa que comparece!

Nação do Maior do Mundo;

 

Giuliana Yumi é daquelas que já enfrentou muitas vezes sozinha o trajeto ida e volta para o Morumbi. “Eu pegava aquelas vans que ficam na porta do Morumbi até o metro sozinha!” – conta ela. Com 26 anos e detentora de uma beleza incrível, hoje ela estampa a página de fevereiro do Calendário do site Arquibancada Tricolor. De família Tricolor (aprendeu a paixão com o pai e o irmão), ela espera ainda realizar o sonho de um dia ser tetracampeã mundial assistindo o jogo no estádio, seja onde essa final for.

 

Giuliana contou para o blog que bota muita fé no técnico Rogério Ceni. “Além de tudo, ele é são-paulino de coração” – disse, já projetando um futebol moderno para este ano e muitas visitas ao Sacrossanto. Mas, se depender de nós, desta vez ela não irá mais sozinha assistir os jogos do Maior do Mundo, né? É muito desperdício!

 

Veja as fotos do ensaio de Giuliana Yumi neste álbum.

(fotos: Arquibancada Tricolor)

 

Pocket entrevista Giuliana Yumi

 

Giuliana, você é capa de fevereiro do calendário Arquibancada Tricolor. O ensaio está ótimo! Desde quando você é são-paulina? Vai aos jogos do clube?

Meu pai e meu irmão mais velho são São Paulinos, então desde sempre tive contato com o SPFC. Quando fui crescendo, comecei a acompanhar mais o SPFC e fiquei fanática! Minha maior paixão! Vou sim aos jogos no templo! Muitas vezes já fui até sozinha e não ligo! Quando era adolescente e, por ventura não tinha ninguém pra me buscar pós jogo, eu pegava aquelas vans que ficam na porta do Morumbi até o metro sozinha! Só queria ver o SPFC jogar! Rs

 

Quais são os seus ídolos de infância no futebol? Já foi ao Morumbi?

Não é da minha geração, mas como são paulina preciso enaltecer Mestre Telê! Ídolo incontestável que fez nosso Tricolor Paulista Bimundial! Hoje, o M1to!

 

Você bota fé neste time formado por Rogério Ceni em 2017?

Com certeza! Apesar de estar iniciando agora como técnico, estudou pra isso, teve contato com o futebol moderno! Conhece bem os jogadores, valorizou o CFA em cotia, subindo jogadores que podem ser importantes, tem o apoio da torcida e, claro, são Paulino de coração! Tem tudo para trazer o SPFC soberano!

 

Qual é o seu grande sonho, no futebol e na vida?

Meu sonho no futebol é o SPFC estar numa final do mundial, eu estar presente lá e poder gritar TetraCampeão Mundial! Rs Já na vida, sonho em ser mãe, ter uma bela família! E viajar o mundo! Rs

 

O que você faz para manter esse belo corpo?

Não tá aquelas coisas, mas a gente tenta né? Rs.. Gosto muito de ir a academia, gosto de ser/comer saudável, um pouco “Healthy lifestyle” rsrs.

 

Quais são os seus hobbies? Dança, barzinho, parque?

Acompanhar o SPFC, academia, Praia, sair com os amigos de noite.

 

Por fim, deixe um recado para a grande torcida Tricolor!

Tricolores Paulistas, vamos fazer nossa parte nesse novo ciclo que o SPFC está iniciando no comando do M1to! Muita torcida, vamos lotar o Templo, muito apoio ao nosso Capitão! 2017 tem tudo para ser um ano especial para nós! Bora mostrar que somos os Soberanos, porque somos sim TRI (ouviu, FIFA?) !! Rs! ” Ô Tricolor eu já selei o meu destino, vou estar sempre contigo, a vida inteira até morrer! ”

 

Ficha técnica:

Nome: Giuliana Yumi

Idade: 26 anos

Altura: 1,54m

Peso: 47kg

Instagram: @Giuliana.y

Facebook: Giuliana Yumi

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.