Search Results For : São Paulo FC

São Paulo, Adidas e Inter comemoram ótimo início de vendas dos uniformes:

A Adidas e o Banco Inter comemoraram o lançamento e as primeiras horas de venda das novas camisas do São Paulo. O Banco, que além do marketing Tricolor foi um dos grandes responsáveis pela subida das tradicionais faixas da camisa #1 para o peito, deu aval sem qualquer compensação financeira para a mudança de posição de sua marca para a parte de baixo do uniforme.

 

“O valor da marca não é ela aparecer mais ou menos. É muito mais a marca ter uma empatia boa com os 18 milhões de torcedores do São Paulo do que estar mais ou menos exposta na televisão. A gente vê a força das mídias sociais, a força do suporte da torcida. Sabemos que a decisão que foi tomada é a mais certa no longo prazo”, disse João Vitor Menin, presidente do Banco Inter. “Acho que essas faixas vão ficar lá por um bom tempo. Talvez eternamente” – comentou, sinalizando a continuidade do patrocínio após o primeiro contrato.

 

Compre as novas camisas SPFC/Adidas aqui.

 

Já a Adidas comprovou o poder do torcedor Tricolor com o grande impacto das vendas iniciais dos novos modelos. Segundo o jornalista Gustavo Francheschini, do UOL, mais de mil exemplares foram vendidos nas lojas físicas e na internet nesta sexta-feira. O número, segundo a fornecedora, é semelhante ao de lançamentos de outro parceiro da marca: o Flamengo.

 

Segundo o designer Glauco Diógenes, que conversou com a marca, há a previsão da criação das versões com manga longa dos uniformes. A Adidas precisa de um tempo para se reestabelecer totalmente no clube.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Compre as novas camisas Adidas no site oficial do São Paulo na internet

Torcedores e Torcedoras;

As novas camisas do São Paulo/Adidas já estão na São Paulo Mania, a loja oficial do clube na Internet. Os modelos masculino, feminino e infantil estão com bastante aceitação e vendas e caso algumas numerações não estiverem disponíveis, em breve voltarão a venda.

 

Compre suas camisas aqui: http://bit.ly/2mf2Na4

 

A marca alemã comemorou bastante os números iniciais de vendas das camisas nas primeiras horas de exposição nas lojas físicas e internet. Números comparados aos lançamentos do Flamengo. Veja detalhes e números iniciais aqui.

 

Para acessar as últimas notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Adeus, Cueva. Para nunca mais!

Enfim, Cueva foi negociado com o futebol europeu. O São Paulo acertou a venda do meia ao Krasnodar, da Rússia por 8 milhões de euros (cerca de R$ 36 milhões). Entretanto, o Tricolor receberá menos que isso, já que repassará 8% do valor bruto em comissões aos empresários do jogador.

 

Cueva chegou como uma boa surpresa, teve seu auge na goleada Tricolor sobre o Corinthians no Brasileirão de 2016 e depois só declinou no clube, com acúmulo de indisciplinas e baixos números em comparação aos outros anos da carreira. O jogador sai pela porta dos fundos, sem deixar nenhuma saudade por parte do torcedor.

 

Costumo agradecer cada jogador que sai do clube mas no caso de Cueva, não tem como. Talento e habilidade, ele tem de sobra. O meia da seleção peruana não teve é cabeça para entender que, se respeitasse o clube que lhe paga os salários, sairia com uma imagem muito diferente junto a torcida. Fazendo um paralelo recente, Petros teve uma passagem menor e, embora não tivesse metade do talento do peruano, saiu muito melhor do Tricolor. Eu, como torcedor, não admito falta de respeito e indisciplina com o clube do meu coração. Esses dois predicados são o mínimo que Cueva deveria oferecer a aqueles que são a verdadeira razão deste espetáculo chamado futebol.

 

Além de sair queimado com o são-paulino, o clube deixou de ganhar mais com o negócio. Segundo o jornalista Jorge Nicola, o Tricolor recusou uma proposta de € 12 milhões (R$ 54,3 milhões) do Dalian Yifang, em fevereiro. O clube apostou no foco do jogador e desempenho na Copa do Mundo. Foi um tiro na água: segundo Nicola, além de mais dinheiro, o Yifang repassaria 10% ao São Paulo sobre uma venda futura e o Tricolor não teria que pagar os 8% de comissão aos empresários em cima dos R$ 54,3 milhões que receberia. Ah, duvido que o São Paulo ganhará mais com o desempenho de Cueva na Rússia. Nem dá para pensar nas futuras bonificações previstas na negociação.

 

Enfim: a aposta não deu certo. Adeus, Cueva e bola para frente. O departamento de futebol, que está trabalhando muito bem neste ano, precisará repor a lacuna no meio-campo com bastante competência e agilidade. Não temos um substituto pronto para a posição de Nenê e qualquer imprevisto no meio-campo pode ocasionar um problemão. Que Raí consiga uma bela carta na manga nesta janela internacional e mantenha o ótimo nível conquistado no elenco de 2018.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Time base definido para o semestre! Confira os onze titulares de Aguirre:

O técnico Diego Aguirre aproveitou todo o tempo que teve durante a Copa do Mundo da Rússia para preparar o elenco para o segundo semestre, visando o Campeonato Brasileiro e a Sul-Americana.

 

Após os jogos treinos diante do Red Bull Brasil, São Bento e Sub-20 Tricolor, todos no Morumbi, o técnico definiu os onze jogadores que deverão começar os jogos e consertou erros pontuais de posicionamento dos jogadores. “Praticamente a base do time está definida e dependendo de alguns casos do adversário muita coisa influencia na decisão” – disse o treinador ao Lance!

 

Tomando como base todos os treinos realizados no CT e os jogos-treino que serviram para dar ritmo e entrosamento, o técnico Tricolor deverá manter o sistema já utilizado e iniciar o segundo semestre com Sidão; Éder Militão, Arboleda, Anderson Martins e Reinaldo; Jucilei, Hudson e Nenê; Joao Rojas, Diego Souza e Éverton.

 

Sidão não perdeu a titularidade. Na defesa a princípio Militão permanece na linha de quatro defensores com Bruno Peres como opção ofensiva numa mudança de sistema durante os jogos, a ser testada com o tempo. De acordo com os treinamentos, a dupla de zaga base será composta por Arboleda e Anderson Martins, com Bruno Alves e Rodrigo Caio na suplência. No meio, Jucilei faz dupla com Hudson, que se destacou nessa volta. Nene é o grande condutor no meio-campo; no ataque, João Rojas terá grande oportunidade de estrear como titular e Éverton está seguro no lado esquerdo.

 

Se nenhuma surpresa acontecer, essa também será a escalação para o jogo contra o Flamengo e da sequência de partidas que o Tricolor fará nestes próximos dias. O técnico Tricolor conta como apoio do ídolo Kaká, que considera o São Paulo capaz de vencer as duas competições que participa neste semestre.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

“Eu peguei na mão”: detalhes e opinião sobre os novos uniformes da Adidas

“Tragam as faixas. O tricolor está pronto para as glórias.”

 

Foi assim que a Adidas revelou os novos uniformes #1 e #2 ddo São Paulo FC para a temporada 2018/2019. Através de seu instagram, a marca alemã mostrou os dois modelos vestidos pelos jogadores Nene, Reinaldo, Diego Souza, Liziero e Jucilei.

 

É muito diferente falar sobre as camisas a distância, por isso fui ao Shopping Eldorado conferir a ação pré-venda que o Banco Inter e a Adidas promoveram nesta quinta-feira. Com as camisas na mão pude enfim constatar que a qualidade do material está de acordo com o tamanho do clube e da marca.

 

Opinião Camisa #1 (branca): a camisa tem uma gola completamente branca e listras vermelhas a “lá Adidas” nos ombros. Poderiam as listras serem das cores preta e vermelha? Poderiam, mas vermelho também deu o destaque. O distintivo (com estrelas) e o logo Adidas são bordados e bem feitos. As faixas estão no peito e o fundo da camisa é branco.

 

Opinião Camisa #2 (listrada): a camisa tem gola “V” preta com detalhe em vermelho. Os ombros e as costas são da cor preta. O distintivo e o logo Adidas são bordados e bem feitos. O distintivo (com estrelas) é um pouco menor que a camisa #1. Para mim esse modelo ficou o mais bonito e se fosse escolher entre uma e outra, ficaria com ela.

 

Não tem camisa de jogo e torcedor, é tudo uma versão só. Cada uma custa R$ 249,90. Uma coisa que me incomodou foi ver as camisas sem números nas costas. De frente a gente vê que “é Adidas” mas de costas “parece Hering” de tão básica. Não há nada a não ser as cores branca (camisa #1) e preta (camisa #2) por isso recomendo a personalização, pelo menos com número. Eles são grandes e modernos mas achei que poderiam ter colocado um pouco de vermelho. As costas ficaram um tanto quanto “alvi-negras” demais porém, para leitura no estádio, as fontes estão de ótimo tamanho.

 

Por fim, uma notícia que vai agradar muita gente: as duas camisas tem versão feminina e tamanhos infantis. Ainda não é certo se virão com ou sem patrocínio mas na pré-venda estava vendendo com patrocínio por motivos óbvios (pré-venda do Banco Inter) mas as camisas femininas estavam limpas.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.