E-Consulters Web - Hospedagem Premium

Search Results For : Temporada 2019

OPINIÃO São Paulo 0x0 Palmeiras

Empate de gigantes no Morumbi. Em uma partida marcada por grandes disputas e algumas polêmicas, o São Paulo mostrou que a evolução não foi por acaso e mostra ao seu torcedor que a decisão da vaga para a final será disputada até o final dos cento e oitenta minutos.

 

Papo reto e sem delongas: pela postura tática, pela vontade e pela qualidade do adversário, o São Paulo fez a sua melhor partida do ano, mesmo sem conseguir a vitória em casa. Bem postado e com a intensidade que faltou nos dois jogos da Libertadores, a equipe armada por Vagner Mancini criou chances e acabou jogando levemente melhor que o ótimo adversário. Vale lembrar do poderio do elenco palmeirense: saía um bom jogador, entrava um melhor ainda.

 

Teve a polêmica do VAR que, na minha opinião deveria ser minimizada porque o juiz acertou em rever o lance e sua interpretação. Não foi pênalti em Dudu, que deveria até ter recebido o amarelo pelo que eu considero simulação e indução ao erro do árbitro. Prefiro polêmica em cima de uma decisão certa a uma polêmica por uma decisão errada, não importa o lado.

 

Apesar da ótima partida, o resultado não veio. Para mim, falta uma coisa a esse time, que só vem com o tempo: maturidade. Mesmo com o empate, o torcedor sai satisfeito com a entrega dos atletas em campo. Vale dizer que foi o segundo jogo seguido sem tomar gol nesta turbulenta temporada.

 

Agora vem mais uma provação: no domingo que vem o Tricolor terá que se superar e superar um tabu no novo Parque Antárctica para levar a vaga. Não vai ser nada fácil mas desta vez há uma boa esperança. Temos um time.

 

Nota dos personagens da partida:

 

Tiago Volpi – Boa partida. Vem melhorando a confiança. Nota: 7,0
Hudson – Mais uma boa partida, marcando o liso Dudu. Nota: 7,5
Bruno Alves – Levou a melhor sobre os atacantes palmeirenses. Nota: 7,0
Anderson Martins – Vinha bem até a lesão. Substituído. Nota: 6,5
Reinaldo – Foi bem. Só precisa treinar exaustivamente bola parada. Nota: 6,5
Luan – Bela partida, impondo intensidade no meio-campo. Nota: 7,5
Liziero – Para mim, o melhor do São Paulo! Nota: 8,0
Igor Gomes – Sem o brilho dos outros jogos, mas fez boa partida. Nota: 7,0
Everton Felipe – Esforçado mas está destoando dos demais. Nota: 6,0
Pablo – Ainda falta o gol mas abre espaços e trabalha para a equipe. Nota: 6,5
Antony – Insinuante e ousado, deu bastante sufoco no adversário. Nota: 7,5

 

Arboleda – Meio tempo de uma segura apresentação. Nota: 6,5
Everton – Entrou para impor mais intensidade. Razoável. Nota: 6,0
Nene – Sem nota

 

Vagner Mancini – Sou um dos que reconhe o ótimo trabalho que ele fez no período entre Jardine e Cuca. Ajeitou o time numa fase muito complicada, colocou as peças certas e volta a coordenadoria dando um novo ânimo ao torcedor. Para este difícil jogo, com adversário nível hard, mostrou uma equipe equilibrada e veloz. Sai em alta. Nota: DEZ e obrigado!

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Elias não! Tem muito jogador melhor e com DNA são-paulino no mercado

A notícia do interesse no volante Elias, divulgada no Globoesporte.com parece brincar com o torcedor do São Paulo. Com contrato até janeiro de 2020, o atleta poderá assinar um pré contrato com qualquer outro clube no meio do ano mas, graças a Deus, recuou sobre qualquer conversa com o Tricolor.

 

Vamos aos fatos: Elias custou dez milhões de reais ao Galo e nunca caiu nas graças da torcida atleticana. Hoje é reserva do time de Levir Culpi e, prestes a completar 34 anos, já começa a experimentar uma nova fase na carreira. Não é mais um menino, tem valor alto de mercado/salário e só por isso não deveria sequer ser cogitado.

 

Outro argumento importante: diferente de alguns jogadores que souberam o que é “ser São Paulo” mesmo após jogar no arqui-rival (como Jorge Vágner, Leandro Guerreiro e Petros, por exemplo), Elias definitivamente não tem DNA de atleta São Paulino. Ele mesmo diz isso, então por que se interessar por alguém que não tem o mínimo perfil exigido pelo torcedor?

 

A desastrada sondagem (se é que aconteceu) não exime a responsabilidade do clube em contratar mais uma peça para o meio-campo.  São Paulo precisa de um segundo volante para o elenco nesta temporada. Liziero é o único na posição e corre risco de estafa ou ser vendido. Hernanes pode atuar na função mas prefere jogar adiantado e os garotos da base campeão da Copinha (Diego e Rodrigo Nestor) ainda não entraram em processo de transição. Porém, existem opções com melhor perfil ou custo benefício que o volante reserva do Galo.

 

Bora ao mercado!

 

ATUALIZADO: o São Paulo negou o interesse, tampouco uma oferta a Elias.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

OPINIÃO Ituano 0x1 São Paulo

Vitória fora de casa e classificação. Em uma data que se tornou histórica pelo centésimo gol de Ceni e a re-apresentação de Luis Fabiano ao SPFC, o São Paulo bate mais uma vez o ‘favorito’ Ituano e avança para as semifinais do Campeonato Paulista.

 

Mais uma vez o time composto pelo esqueleto das categorias de base Tricolor se mostrou sólido e entrosado. Tabelas, triangulações de profundidade mais uma vez foram vistas, prova que a liga dada entre os garotos e aqueles que já estavam no elenco de cima funcionou mais rápido do que muita gente pensava. O meio com Luan e Liziero é consciente, o jogo de Igor Gomes manteve a qualidade vista na primeira apresentação integral e Antony está cada vez mais está solto no ataque, dando esperanças ao torcedor de uma boa temporada.

 

Falta um pouco mais das laterais mas não dá para reclamar de Hudson: o jogador é bastante prestativo na direita e enfrentou no seu setor o melhor atleta do Ituano, desejado por vinte e cinco clubes, segundo o seu empresário. Na esquerda, Reinaldo pode fazer um mais do que atualmente está fazendo, principalmente nas bolas paradas e escanteios, mas isso pode ser treinado e aprimorado dia a dia. O importante é que a equipe não oscilou de uma partida para outra e mostra nítida evolução coletiva.

 

A classificação era obrigação mas o bom futebol dessas quartas de final foi uma grata surpresa. O São Paulo foi o melhor dos oito clubes que disputaram o mata-mata porém o próximo desafio será muito maior, diante do atual poderio econômico da Crefisa/Palmeiras. O São Paulo não tem a qualidade de elenco e as opções do seu adversário mas conta com a confiança e a jovialidade de seus talentosos garotos. Vale a pena confiar neste sangue jovem Tricolor!

 

Nota dos personagens da partida:

 

Tiago Volpi – Evoluiu do início do ano para cá. Seguro. Nota: 7,5
Hudson – Boa apresentação, na ‘fogueira’ de marcar Martinelli. Nota: 7,0
Bruno Alves – Arroz-feijão muito caprichado desse zagueiro. Nota: 7,5
Anderson Martins – Uma consistente apresentação na zaga. Nota: 7,0
Reinaldo – Precisa calibrar o pé nas bolas paradas e escanteios. Nota: 6,0
Luan – Apresentação consistente na primeira volância. Nota: 7,0
Liziero – Fundamental nesse novo São Paulo. Gol importante! Nota: DEZ!
Igor Gomes – Manteve o bom nível de apresentação do domingo. Nota: 8,0
Everton Felipe – O único que oscilou de domingo para quarta. Nota: 5,5
Pablo – Inteligente, abre espaços para os companheiros. Falta gol. Nota: 6,5
Antony – Com espaço, vira um furacão. Personalidade e talento. Nota: 9,0

 

Leo Pelé – Sem nota
Helinho – Sem nota
Jucilei – Sem nota

 

Vagner Mancini – Time manteve a pegada do jogo de domingo. Marcou bem o adversário e teve oportunidades. O São Paulo de Mancini/Cuca se dá bem sem a bola e com espaços para contra-atacar. Se o clube não se desfazer das suas melhores promessas, haverá esperança na temporada! Nota: 8,0

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Permanência de Hudson na lateral é bom para o atleta e para o Tricolor!

Vagner Mancini não deu pistas do time que enfrentará o Ituano na próxima quarta mas, se depender da boa partida realizada no último domingo, pode-se dizer que Hudson será ‘barbada’ na lateral direita.

 

A permanência do volante na função que é de Bruno Peres e Igor Vinícius é uma “boa velha ideia” do Tricolor: Hudson já jogou no setor em 2014 e não foi mal. Pelo contrário: sua performance o ajudou a renovar contrato naquela época.

 

Por sua vez, o jogador não vê problemas em atuar fora da posição de volante. “Não tenho vaidade e sempre vou procurar ajudar. Se o Mancini ou o Cuca acharem que vou render melhor na lateral, vou treinar cruzamento e outras coisas que são do dia a dia para dar o meu melhor” – disse ele ao Estadão.

 

Realmente, já que renovou contrato, prefiro o investimento em Hudson como lateral marcador e, se possível, treinando cruzamentos, ao gastar dinheiro em Rodinei, a especulação da hora. Das opções que temos, ele é a melhor.

 

A lateral continua um tormento para o clube: Bruno Peres não mostrou a que veio e Igor Vinicius está emprestado até o final do ano.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Veja aqui todos os detalhes da nova camisa #1 da Adidas para o São Paulo

As novas camisa Adidas serão lançadas em breve mas o Blog São Paulo Sempre teve acesso aos detalhes da camisa #1 da marca alemã para o Tricolor. Confira abaixo as fotos da nova peça que será lançada para o público:

 

 

(clique nas imagens para ver maior)

 

Na minha opinião, pelo protótipo (extra-oficial) fotografado, a camisa ficou mais bonita que a primeira, lançada no meio do ano passado. Os diferenciais são a gola, as listras nas partes laterais da camisa e o escudo e logo Adidas bordados, algo que vinha sendo muito pedido pelos torcedores. As listras continuam no peito, com o logo do Banco Inter abaixo.

 

Apesar das modificações positivas, as costas continuam brancas, sem a extensão das faixas. Menos mal que os úmeros serão em vermelho desta vez. Aconselho a todos que comprarem que invistam nos números em vermelho para que a camisa não fique com a parte de trás toda branca.

 

PS: os créditos das imagens são desconhecidos. Recebi de um amigo no whatsapp, mas é essa a nova camisa. Quem for o dono dos créditos ou souber quem é, pode informar pelos comentários.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.