E-Consulters Web - Hospedagem Premium

Search Results For : Base

Criticado por falta de pontaria, Antony estreia com dois gols no Ajax

O ex-jogador do São Paulo Antony já mostrou seu cartão de visitas na Holanda. Estreando pelo Ajax na pré temporada, o atacante marcou dois gols na vitória por 6×1 do seu clube sobre o RKC Waalwijk, da primeira divisão holandesa.

 

O mais curioso é que Antony era muito criticado pelo torcedor do São Paulo justamente pela falta de pontaria no Tricolor. Com a performance e os gols, o atacante ganhou destaque e imagem de capa no site oficial do Ajax. “Antony fala por si” – escreveu o site.

 

Antony participou do segundo tempo da partida da pré-temporada holandesa.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Opção de Fernando Diniz em inscrever Paulinho Boia no elenco é correta!

O atacante Paulinho Boia está em alta com Fernando Diniz. O jogador foi inscrito no lugar de Antony para a sequência do Campeonato Paulista, ganhando a concorrência com Gonzalo Carneiro.

 

Destaque nos primeiros treinos e com perfil semelhante ao ex-Tricolor , Boia possui velocidade e gosta do “um contra um”, característica de jogador que parte para o drible. Este foi o motivo principal para Fernando Diniz o escolher para a vaga deixada na lista A do Paulistão.

 

Deste modo, a lista A do São Paulo tem os seguintes jogadores:

 

  • Goleiros: Tiago Volpi, Lucas Perri e Júnior
  • Laterais: Juanfran, Daniel Alves, Igor Vinicius, Reinaldo e Léo;
  • Zagueiros: Bruno Alves, Arboleda e Anderson Martins;
  • Volantes: Luan, Tchê Tchê e Liziero;
  • Meias: Hernanes, Vitor Bueno, Igor Gomes e Shaylon;
  • Atacantes: Alexandre Pato, Pablo, Everton, Toró, Tréllez, Galeano, Brenner e Antony

 

A escolha correta é justamente pelas características do jogador. E mais: se Pablo bobear nos próximos jogos, eu promoveria o moleque já no lado esquerdo. Paulinho Boia, grande aposta do ex-diretor Luis Cunha, emprestado a alguns clubes e envolvido em recente polêmica por ter sido reprovado nos exames médicos do Cruz Azul, tem grande chance de se firmar no elenco.

 

A escolha não impede Carneiro de futuramente ser inscrito. Para as quartas de final e restante do Paulistão, outras quatro trocas são permitidas pelo regulamento. Carneiro está na lista B.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Quem ofereceu Lucas Fasson como jogador livre para clubes na Europa?

Segundo o Globoesporte.com, o Barcelona respondeu a notificação do São Paulo a respeito de Lucas Fasson, que pediu rescisão unilateral do contrato, para virar jogador livre e ir a Europa sem que o Tricolor receba nenhum valor.

 

Segundo o Barcelona, o zagueiro foi oferecido como jogador livre e descartou a possibilidade de contratação quando soube do vínculo existente com o Tricolor. A multa rescisória de Fasson é de 40 milhões de euros (R$ 244 milhões).

 

A resposta do Barcelona induz qualquer torcedor a uma pergunta simples: quem ofereceu Lucas Fasson como agente livre para clubes na Europa? Quem está por trás da história da rescisão? Algum clube europeu? O próprio jogador? O empresário? O caso é grave e precisa de resposta pois envolve a imagem do jogador junto a torcida e até um possível “castigo” do clube, caso comprovada procedência da má fé.

 

Nenhum jogador é obrigado a estar em um lugar que não deseja mas o fato é que Lucas Fasson possui contrato. Não está fora de cogitação uma negociação, desde os dois clubes interessados estejam envolvidos no negócio.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Um ‘alívio’ chamado Gustavo Maia

O jornalista Eduardo Affonso (ESPN) divulgou a concretização da venda do atacante Gustavo Maia ao Barcelona. O dinheiro da transação, na casa dos R$ 27 milhões de reais, ficará todo com o Tricolor, já que o clube catalão arcará com os com os 21% de impostos que incidirão sobre a compra.

 

O São Paulo poderá lucrar ainda mais com o desempenho de Maia na Europa pois ficou com 30% dos direitos econômicos do jogador e, em caso de uma futura venda, terá o valor correspondente ao seu percentual.

 

A permanência de 30% dos direitos é uma ótima notícia, mas a melhor delas, dada pelo jornalista da ESPN, é o alívio no caixa a curto prazo. Com a saída do atacante que não chegou a entrar em campo pelo profissional, o São Paulo também não deverá mais vender revelações para arrecadar dinheiro neste ano.

 

Se Maia tiver um desempenho semelhante ao de David Neres no Ajax, o São Paulo terá um belo “copo cheio/copo vazio”: deixará mais um grande jogador sair de Cotia direto para a Europa e, ao mesmo tempo, lucrará muito com uma possível transferência inter países ou até mesmo com a compra de Maia em sua totalidade pelo clube espanhol. O que vale é o hoje: o clube terá fôlego suficiente para quitar suas dívidas mais emergenciais.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Brenner: mais preparado para a responsabilidade em 2020?

Um fato tem se repetido nos últimos treinos do São Paulo. Brenner, jovem atacante que veio da base Tricolor, marcou gol em quase todos os treinamentos coletivos da equipe neste ano. O feito se repetiu no primeiro coletivo do elenco no último domingo, em Cotia.

 

Brenner surgiu como um cometa no sub-17, com recordes de gols pela base do clube. Alçado a equipe profissional para que o Tricolor não o perdesse devido a baixa multa, o atleta iniciou bem sua trajetória entre os titulares. O primeiro gol do atacante com a camisa profissional do São Paulo aconteceu no dia 3 de dezembro de 2017, contra o Bahia, no Morumbi. Brenner foi o primeiro estreante do clube a marcar atuando para mais de 60 mil pessoas, na última rodada daquele Brasileirão.

 

Com 18 anos, ele marcou três gols em suas primeiras seis partidas pelo clube, contra Bahia, Corinthians e Madureira, feito nunca antes alcançado por nenhum jogador do Tricolor. Para efeito de comparação, o ícone Teixeirinha havia marcado quatro em seus quatro primeiros jogos, porém o feito foi conquistado em uma mescla de jogos oficiais e amistosos.

 

Após este início, o jogador caiu de rendimento e alternou o banco de reservas com jogos sem ser relacionado. Foi emprestado ao Fluminense no ano passado para ganhar rodagem mas não rendeu o esperado no Rio. Novamente ao São Paulo, Brenner vem mantendo sua média de gols em coletivos e jogos-treino.

 

Será que Brenner está mais preparado para o rendimento profissional? Para responder essa pergunta, jogarei algumas cartas na mesa: a primeira é que o Tricolor tinha que o promover a equipe titular, ainda que precocemente. Brenner foi um fenômeno em Cotia. A segunda carta é a constante troca de treinadores em seu período. De Rogério Ceni a Fernando Diniz, passando por Dorival Júnior, Diego Aguirre, Jardine e Vagner Mancini. Enfim a última carta é a posição do jogador em campo. Brenner não é um centroavante de ofício, nem um ponta como Antony. É goleador mas precisa atuar com uma referência no ataque.

 

Com 20 anos, o atleta terá o restante da temporada para evoluir e provar o talento que mostrou na base poderá ser aperfeiçoado no profissional. Poderá ajudar no elenco do Tricolor se aproveitar bem as oportunidades que terá nos jogos do ano. Capacidade e gols ele vem monstrando nos treinos. Torço pelo seu sucesso!

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.