Search Results For : São Paulo FC

Liziero: o novo Pedrinho?

Mais uma vez uma lesão muscular tira Liziero de um jogo pelo São Paulo.

 

O polivalente volante (também joga como meia e lateral esquerdo) convive com contusões desde sua subida ao profissional. Nesta primeira partida da final do Campeonato Paulista, a história se repetiu: Liziero sentiu um incômodo na coxa e deu lugar para a entrada de Everton no meio-campo, com Carneiro responsável pelo comando de ataque. O atleta já ficou de fora de alguns jogos do estadual quando se contundiu na derrota Tricolor diante do Guarani, no Pacaembú.

 

O histórico de lesões de Liziero lembra o meia Pedrinho, jogador que fez fama no Vasco da Gama nos anos noventa e atuou até 2013, encerrando a carreira no próprio clube cruzmaltino. O jogador conviveu a carreira toda com lesões por conta de um desequilíbrio no quadril. Em entrevista a ESPN, o ex-atleta disse que uma parcela de culpa de suas lesões cabe a si próprio, pois ele fazia uma carga superior de treinos a que seu corpo suportava, e, por muitas vezes, chegava a esconder suas dores para poder jogar.

 

A nova lesão de Liziero aparece em um dos melhores momentos da sua carreira. O jovem liderou o meio-campo nos últimos jogos, atuando com destaque contra o Ituano em Itu (foi ele o autor do vol da vitória Tricolor) e nas partidas diante do Palmeiras pela semifinal do estadual. Sua falta foi muito sentida na primeira partida da final do campeonato, no último domingo e a previsão para a volta em Itaquera é pessimista. Lesões musculares são de tratamento longo em comparação a traumas por pancadas.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

OPINIÃO São Paulo 0x0 Corinthians

São Paulo e Corinthians não saíram do zero na primeira partida das duas que marcarão a final do Campeonato Paulista de 2019. Apesar do placar virgem, o Tricolor mais uma vez mostra que o crescimento na reta final do campeonato não foi obra do acaso.

 

O jogo foi bom, principalmente pela pró-atividade do São Paulo. Amparado por praticamente sessenta mil apaixonados torcedores, a equipe de Cuca teve o domínio das ações em campo e doutrinou seu estilo de jogo os noventa minutos de bola rolando. Faltou capricho nas finalizações, principalmente no segundo tempo. É importante dizer que a equipe sentiu muito as faltas de Pablo e Liziero. Ambos dão dinâmica e sustentação ao time do meio para frente. Everton, o suplente do meio, já atuou por lá no início da carreira e mostrou um jogo aguerrido, mas não é a mesma coisa. Já o ataque com Carneiro ficou refém de finalizações a gol. Para complicar, Antony não fez uma daquelas suas partidas e Cuca justificou no pós jogo a sua condição debilitada. Mesmo com todos os problemas a equipe jogou com velocidade pelos lados e complicou bastante a vida do adversário, bem armado na defesa como é o seu padrão. Tiago Volpi não sujou o uniforme. Faltou capricho final para o Tricolor abrir o placar.

 

O resultado não foi aquele esperado (ou previsto) pela maioria dos torcedores, mas foi normal. Anormal é alguém entender que bola batida no braço de jogador dentro da área, mesmo revista pelo VAR, não é pênalti. Pior: o mesmo árbitro que não deu a infração neste último domingo no Morumbi não titubeou para dar um pênalti nas mesmas condições, a favor do adversário em Itaquera. Ele é fraco demais e sempre, sempre pró adversário. É só puxar a sua capivara.

 

Apesar de não ter saído em vantagem no placar, acredito que o São Paulo tem todas as condições de se sagrar campeão em Itaquera. O adversário jogará mais a frente em sua casa, abrindo espaços para os velozes atacantes Tricolores. Nossa defesa é um dos principais pontos da equipe e, se não falhar, creio na conquista ainda nos noventa minutos, com ou sem VAR. É o São Paulo contra tudo e contra todos em mais uma decisão.

 

Tiago Volpi – Praticamente não se sujou. Nota: 6,5
Hudson – Fora de posição, mais uma vez tomou conta do setor. Nota: 6,5
Bruno Alves – Jogo simples, básico e eficiente. Nota: 7,0
Arboleda – Firme na defesa, quase se consagra com gol. Nota: 7,5
Reinaldo – Compôs bem a defesa e foi perigoso em cruzamentos. Nota: 6,5
Luan – Ótima partida, com desarmes e muito combate. Nota: 7,0
Everton – Não fez feio no meio-campo. Jogo aguerrido. Nota: 7,0
Igor Gomes – Abaixo das suas atuações mas presente. Nota: 6,0
Everton Felipe – Bom início. Caiu bastante na segunda etapa. Nota: 6,0
Carneiro – Batalhou mas não teve utilidade ofensiva. Nota: 5,5
Antony – Jogo abaixo da normalidade. Estava debilitado. Nota: 6,0

 

Hernanes – Time cresceu bastante com a sua presença. Nota: 7,0
Nene – Mostrou boa disposição, nada mais que isso. Nota: 6,0
Helinho – Pouco acionado e pouco eficiente. Nota: 5,5

 

Cuca – Mesmo sem Liziero e Pablo e ainda sem Hernanes na sua melhor forma física, o time imprimiu velocidade dos lados e dominou o adversário, imprimindo seu ritmo de jogo. O São Paulo cresceu na segunda etapa, com a presença do profeta. Apesar do empate em casa, a esperança de taça vem mais forte que nunca, mesmo em um local de (ainda) poucas alegrias do Tricolor. Nota: 7,0

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Presidente do TJD prevê hipótese de torcida rival infiltrada no Morumbi

O presidente do TJD-SP (Tribunal de Justiça Desportiva) de São Paulo, Antonio Rolim, trata com cautela a ameaça do Corinthians de não entrar em campo se o ônibus alvinegro for alvejado por pedras na entrada do estádio do Morumbi.

 

Em entrevista ao Portal UOL, ele reviu a consequente pena de W.O. por imaginar que possíveis ações possam ser feitas pelos próprios torcedores do Corinthians. “Temos que esperar acontecer, porque pode ter alguns infiltrados na torcida do São Paulo que façam de propósito, justamente para ter o W.O. Então temos que esperar, para não tomar decisão precipitada em cima de um caso que nem sabemos se vai acontecer” – disse ele ao portal.

 

O discurso inflamado promovido pelo presidente do clube rival não é inédito. Andrés sempre encontra formas de potencializar jogos decisivos ao seu favor, colocando pressão nas entidades e árbitros. Não duvido que, em Itaquera, ele armará uma situação de tensão em cima do árbitro Raphael Claus, escalado para apitar o segundo jogo. Claus se envolveu em polêmica com um dos jogadores corinthianos no clássico que apitou no Paulistão.

 

Quanto a torcedores infiltrados, eles existem no Morumbi, em Itaquera e no Allianz, mesmo após a triste (na minha opinião) determinação de torcida única nos clássicos paulistas. mesmo não concordando com a determinação, não recomendo a ninguém esse procedimento. Não ter o direito de torcer para o seu clube no estádio é ruim, mas não poder torcer porque está infiltrado certamente é pior ainda.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Tabelinha entre TRI Mundiais!

Vai lotar! – O São Paulo anunciou mais de 45 mil ingressos vendidos para o primeiro jogo da final do Campeonato Paulista, no Morumbi. Porém, atrás do grandioso, mais uma vez os torcedores penaram (e ainda penam) para adquirirem os seus lugares na decisão. Ontem, comprei ingresso para o Rock In Rio exatamente no primeiro dia de venda aberta ao público e digo com toda clareza: apesar da alta procura no Ingresso.com, foi mais fácil e rápido comprar o direito de ver Iron Maiden, Slayer e Scorpions que o Tricolor em nossa própria casa.

 

Desculpa de sempre – A Total Acesso alegou o alto pico de tráfego como principal impeditivo para as compras dos Tricolores. Cerca de 30 vezes o acesso por minuto que o habitual, diz a empresa. Já escrevi muito sobre isso e acho um absurdo a maneira atual de vendas do Tricolor, principalmente em jogos de alta demanda. O ST também precisa ser melhorado e espero que nosso diretor de Marketing esteja focado também nessa mina de ouro muito mal explorada ultimamente. Nossos rivais da cidade estão anos-luz a frente neste quesito.

 

Defendeu o Raí! – O ídolo Aloísio Chulapa, atração de um evento na última quarta no Camarote do Leandro Guerreiro, defendeu com unhas e dentes o trabalho de Raí no Tricolor. O ex-atacante Tricolor disse que o diretor trabalhou para contratar os melhores atletas no tempo que está a frente do departamento e deu exemplos práticos: “o Pablo veio pela grande temporada, foi o melhor atacante do ano passado”, disse ele, que revelou o nome do filho que está para nascer: “Rogério Ceni”, em homenagem ao seu companheiro de tricampeonato mundial.

 

Peso muito grande – Lugano deu uma importante entrevista no Sportv, na última quinta-feira. Entre outros assuntos, o ídolo disse que o encaixe dos meninos no time principal não foi algo casual mas que, “por sorte”, eles entraram e deram conta do recado rapidamente. Segundo o uruguaio, este São Paulo tem identificação poderá fazer duas grandes finais contra o rival pelo Campeonato Paulista. Para Lugano, se vier, esse título terá um peso muito grande por conta da pressão por um título nos últimos anos.

 

Função explicada! – Lugano ainda explicou melhor sua função de Diretor institucional no Tricolor e disse por que não trabalha no futebol do clube: “Participo de decisões. Sou parte da vitória e da derrota. O futebol está com o Raí e Pássaro, e quando eles precisarem eu estou lá. Foi o que eu quis, porque ainda não tenho experiência para assumir um cargo alto. Tem que ter a humildade necessária de entender e depois ir lá para cima.” disse ele ao Sportv.

 

Sucesso! – Em menos de uma semana, a Loja São Paulo Sempre já é um sucesso de vendas. Novas estampas foram adicionadas a loja, como a “Não grita gol antes, porra” e “SPFCHOLIC”, além das versões femininas das atuais estampas. Os produto são de alta qualidade (100% algodão e impressão digital), o pagamento é facilitado em 3 vezes e a entrega é para todo o Brasil. Acesse a loja aqui ou peça suas camisas pelo whatsapp 11 98519-8105.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

De bobo o Porto não tem nada!

Segundo o jornalista André Hernan, do Sportv, o FC Porto estaria interessado na contratação do zagueiro Morato, de 17 anos. O atleta, ainda na base de Cotia, foi um dos destaques do São Paulo na conquista da Copa São Paulo de Futebol Júnior, no início do ano.

 

Ainda segundo Hernan ao Globoesporte.com, o Tricolor já sinalizou ao mercado que Morato não está à venda e, apesar da boa relação entre o clube português e o brasileiro, a possibilidade está descartada.

 

De bobo o Porto não tem nada. Éder Militão, que não quis renovar contrato com o São Paulo, ficou menos de um ano em Portugal e foi vendido ao Real Madrid por cerca de R$ 215 milhões. Como manteve 10% dos direitos de Militão e tem direito a mais 2,8% pela cláusula de solidariedade da Fifa por ser clube formador, o São Paulo receberá algo em torno de R$ 25 milhões, além de 4 milhões de euros pela venda ao clube português. No total, o Tricolor recebeu “só” R$ 43 milhões pela venda.

 

Pelo visto, o clube português vê no promissor Morato o seu “novo Militão”. Neste momento, o garoto continuará nas categorias de base do São Paulo, mas deve ser alçado em breve ao elenco profissional. Vale lembrar que, por própria declaração a um periódico equatoriano, Arboleda tem chance de sair no meio do ano.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.