Search Results For : SPFC

OPINIÃO São Paulo 4×0 SCCP

Nação do Maior do Mundo;

 

O troco de 2015 foi dado. Com uma atuação coletiva intensa e show a parte do peruano Cueva, o São Paulo ameniza o péssimo ano e dá uma grande alegria para os mais de cinquenta mil torcedores no infernal e efervescente Morumbi.

 

O São Paulo foi do primeiro ao último minuto do jogo o único protagonista. Com muita intensidade e uma marcação forte desde a primeira linha, a equipe envolveu totalmente o adversário e em nenhum momento teve a vitória ameaçada. Ricardo Gomes acertou na escalação e cumpriu a promessa de jogo intenso, conforme indicou Pintado durante a semana. A equipe entendeu e fez a melhor partida coletiva do Brasileirão e uma das melhores do ano. Foi para lavar a alma.

 

Vou explorar três pontos diferentes do usual. O primeiro ponto é que o time jogou muito bem, mas só ganhou desse jeito porque a torcida compareceu em peso e apoiou os jogadores o tempo todo, independente da fase. Qualquer equipe que joga contra o São Paulo com casa cheia no Morumbi sente, não tem como. Isso é mais uma prova do que sempre falo com os diretores: os nosso ingressos deveriam ser SEMPRE populares. Não precisa ser todo jogo a R$ 10,00 mas não dá para fazer o espetáculo que o torcedor fez usando o padrão de ter ingresso caro. Temos estádio próprio e todas as condições de ganhar renda com outras coisas que não sejam a bilheteria.

 

Outro ponto: que partida fez o peruano Cueva. Um gol (cavadinha) e três assistências. Isso porque o mito do Cartola dessa rodada disse que estava cansado neste período do ano. Imagina se tivesse descansado… Um achado esse cara e creio que pode fazer história no clube. Num paralelo com PH Ganso, Cueva é menos ‘genial’ com a bola nos pés, só que eu nunca vi o ex-camisa dez são-paulino (atualmente no Sevilla) fazer o que o peruano fez em um jogo só, durante toda sua passagem pelo Tricolor. Isso não é uma crítica ao Ganso; é um super elogio ao Cueva e Majestoso é com ele. Atenção, diretoria: dê muito descanso ao menino nessas férias!

 

Por último, mas não menos importante: vamos respeitar e apoiar o Chavez. Sim, perdeu um gol feito, mas lutou muito (como vem lutando) mesmo não jogando na sua posição mais confortável, que é o lado direito, onde fez o terceiro gol. Se eu tivesse o poder da caneta no Tricolor Chavez ficaria mais no clube, até mesmo no lugar do Centurión, por que não? É jogador de grupo e tem uma disposição que poucos brazucas tem por aqui. Ótimo para o elenco em 2017.

 

Enfim, o torcedor tinha o direito de passar um fim de ano menos tenso e tem que comemorar muito neste domingo. Que o time continue jogo a jogo com esse espírito coletivo e fecharemos a temporada com esperanças para o ano que vem. Mas é preciso se reforçar, se quiser títulos. Esse é o foco!

 

Nota dos principais personagens da partida:

 

Denis Pouco exigido. Tranquilo no jogo. Nota: 7,0

Buffarini No geral foi bem. Precisa acertar mais a marcação. Nota: 7,0

Maicon Paredão. Só precisa maneirar nos lançamentos. Nota: 7,0

Rodrigo Caio Partida excelente. Colocou o ataque rival no bolso. Nota: 7,5

Mena Não é um primor, mas a raça contagia. Bom papel. Nota: 6,5

João Schmidt Amarelado no início do jogo, não comprometeu. Boa partida. Nota: 7,5

Thiago Mendes Bom jogo no meio, saindo com mais qualidade. Nota: 7,0

Cueva Uma das melhores atuações individuais dos últimos 5 anos. Nota: DEZ!

Kelvin Incisivo e rápido. Sofreu o pênalti. Saiu lesionado. Nota: 7,5

David Neres Ótima atuação e estrela no primeiro gol num clássico. Nota: 9,5

Chavez Lutou e foi premiado com um golaço. Ótimo jogador para elenco. Nota: 9,5

Luiz Araújo Premiado com o último gol. Nota: 8,0

Wesley e Pedro Sem nota.

Ricardo Gomes Acertou na escalação. Ótimo jogo! Nota: 9,0

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Milton Cruz apontou o principal motivo de seu afastamento do clube

Nação do Maior do Mundo;

 

Ciúmes. Este foi o principal motivo encontrado por Milton Cruz para justificar seu afastamento do clube no início do ano. O ex-auxiliar técnico do São Paulo FC contou que a amizade muito forte que teve com Juvenal, Marcelo Portugal Gouvêa e que tem com Abílio Diniz foi a principal causa de seu afastamento do clube.

 

A declaração foi feita no programa Agora o bicho vai pegar, da Bradesco Esportes FM. Milton disse que foi pego de surpresa com a proposta de um cargo ‘burocrático’ no CT e não viajar mais com a delegação, nem fazer sua função de auxiliar no campo. Após um dos primeiros treinos de Edgardo Bauza no Tricolor, Milton foi chamado pelo então diretor Luiz Cunha e entre muitos elogios, se deparou com a inusitada proposta. Ele negou veementemente influência de Abílio Diniz nas decisões dentro de campo do São Paulo e disse que Diniz entende muito mais de futebol que as pessoas imaginam.

 

Fora do Tricolor e com propostas recusadas do Coritiba, Ceará entre outros, Milton agora se prepara para assumir a direção técnica de algum clube Brasileiro. Após um período na Europa, onde esteve no Real Madrid e Paris Saint Germain entre outros, o profissional irá completar seu curso na CBF e tentará a carreira de técnico. Ele tem dois grandes incentivadores: Rogério Ceni e Muricy Ramalho.

 

Entre outras histórias, Milton Cruz revelou que foi ele que chamou Michel Bastos para o clube. Na época o time precisava de um lateral esquerdo e o contato foi feito via Rafael Tolói, que havia jogado com Michel na Roma. Só depois no São Paulo, Michel resolveu atuar mais na linha de frente que como lateral. Outra história foi a chegada de Adriano no clube. Milton disse que apesar das escapadas depois dos jogos, o Imperador não era do tipo encrenqueiro. Milton foi o cara que trouxe duas vezes Luis Fabiano. Na primeira vez Luiz chegou do Rennes, ainda se chamando só “Fabiano”.

 

Gosto muito do Milton, esse tem muita história prá contar. Tudo tem seu tempo, até mesmo um profissional como ele, mas o que está em questão é o modo como ele saiu. Todo patrão tem o direito de trabalhar com o funcionário que quiser e isso tem que ser respeitado, mas Milton sempre foi um cara com muita identificação com o São Paulo.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Tabelinha entre TRI Mundiais!

Casa cheia! A derrota para o América no Independência não tirou a motivação do torcedor do São Paulo para o clássico deste sábado, no Morumbi. Mais de 42 mil ingressos foram vendidos, esgotando as arquibancadas e garantindo casa cheia para empurrar o time. Se prevermos os ingressos de cativas e camarotes, que são contabilizados no dia do jogo, o público deve passar dos 50 mil no Morumbi, mais que os 49 mil diante da Ponte Preta.

 

Nova sinalização! Além da ação das mensagens dos torcedores nas camisas dos atletas, a Under Armour e o São Paulo farão mais uma novidade para o torcedor à partir deste sábado: frases do clube e de apoio por toda a parte interna do Morumbi. mensagens como os títulos mundiais do clube e de apoio aos jogadores estarão nas sinalizações dos túneis e no cimento que circunda os anéis do estádio.

 

Largada para 2017! Uma reunião durante boa parte da última terça entre Leco e todo o corpo do futebol marcou o início oficial do planejamento do São Paulo para 2017. Entre outros assuntos, a possível venda de Rodrigo Caio, a definição de Michel Bastos como moeda de troca e a análise de reforços para a equipe. Leco disse que teremos protagonistas contratados para o ano que vem, a questão é ver que tipo de jogador é protagonista para ele e para o corpo do futebol do clube.

 

Pratto feito! Nilmar é um grande desejo do nosso ex-presidente, mas eu ainda insistiria na contratação de Lucas Pratto, reserva de luxo de Fred no Galo. Por pouco o argentino não veio para o Morumbi no meio deste ano. Com bases acertadas com o Tricolor, Pratto só não veio porque o presidente do Atlético MG pediu a Leco que desistisse do negócio. Naquela época, o Galo não poderia perder o argentino, com receio da reação da sua torcida. Será que agora daria?

 

Diós em promoção! Novembro é o mês oficial da super queda de preços da São Paulo Mania. Chamada de “Black November”, a ação tem uma página oficial na loja, com bons descontos. Destaco entre elas uma linha de camisetas em referência a Lugano: uma branca com referência a camisa 5 e uma azul com menção ao “RE5PEITO” (a que eu mais gostei). Elas estão por R$ 19,90 cada. Vale!

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Atletas receberão ‘recado da torcida’ para o clássico de sábado no Morumbi

Nação do Maior do Mundo;

 

Os jogadores do São Paulo terão um incentivo a mais para o clássico diante do Corinthians, às 19h30 deste sábado no Morumbi. A Under Armour, fornecedora de material esportivo do clube, escolheu frases de incentivo entre mais de 2.500 são-paulinos inscritos em uma de suas ações. Elas serão estampadas nas camisas dos atletas.

 

Foram 23 frases selecionadas e todos os vencedores da ação #RecadodaArquibancada ganharão uma camisa oficial com a frase estampada, além de um par de ingressos para acompanhar a partida direto do lounge da patrocinadora no estádio. Veja abaixo os autores e as frases escolhidas:

 

Alexandre de Paula: Só os fortes vestem essa camisa!
Anderson Almeida: Vamos, Tricolor! Não pare de lutar jamais!
Andre Grimberg: Joguem por nós, damos a vida por vocês!
Caique D. Sousa: Respeite o passado, honre o presente.
Daniela Araujo: Desistir? Só quando eu deixar de existir.
Evan Belkior: Só os fortes fazem história!
Fabricio Santos: Com você e por você contra todos!
Gilson Carvalho: Igual a todo Tricolor eu sou guerreiro!
Hans Aguiar: Não aceitem nada menos que a vitória.
Henrique Nascimento: Respire raça, transpire sangue.
Herbert de Souza: Se não der na técnica, vai na raça!!!
Hugo Berlingeri: Seu único limite é você!
Iago Azevedo: 18 milhões de pessoas cabem nessa camisa.
Jordan Batista: Vivemos pelo amor a essa camisa.
José Augusto: Camisa que entorta varal!
Letícia E Miranda: A camisa mais pesada do Brasil!
Luiz Victor: Damos o suor e o sangue por essa camisa.
Marcos Brito: Dê a vida por esse Manto Sagrado.
Peterson Ribeiro: Que não nos falte raça, amor e fé!
Ramon Hans: Raça, alma, fé. Isso é São Paulo!
Thyago de Sousa: Suamos sangue por essa camisa!
Tiago de Freitas: Nascemos para conquistar o mundo.
Vinicius Gomes: Uma camisa, 18 milhões de corações.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

São Paulo conhece seu grupo do Campeonato Paulista 2017. Agora vai?

Nação do Maior do Mundo;

 

O São Paulo faz parte do grupo B do Campeonato Paulista de 2017, ao lado de Red Bull Brasil, Linense e Ferroviária, de Araraquara. Como o regulamento prevê que as equipes só enfrentam os clubes dos outros grupos, o Tricolor não irá para Lins nem Araraquara neste estadual. Campinas poderá receber o São Paulo, em jogo contra a Ponte Preta.

 

O sistema de disputa segue o mesmo de 2016, porém agora com menos clubes. Os 16 times (eram 20) serão agrupados em grupos de quatro times, com cada um jogando contra os times das outras chaves, totalizando 12 rodadas na primeira fase. Os dois melhores de cada grupo se classificam para as quartas de final e os dois piores no geral serão rebaixados.

 

Mais uma mudança importante: as quartas e semifinais – que eram disputadas em jogo único – serão jogadas em partidas de ida e volta, assim como já era e continuará sendo a final. O grande problema do estadual é que ele permite apenas 28 inscritos em cada clube. O Tricolor precisará pensar muito bem quem ele relacionará. É mais elenco que inscrito, com certeza.

 

O estadual ficou mais enxuto e deve melhorar. Será que agora, provavelmente sendo único grande de SP sem Libertadores, o clube vai se preparar decentemente para vencer o estadual? Apesar de não ser nem de longe o que era, o título do Paulista (que chamo de Paulistinha) seria o mínimo que a diretoria poderia dar ao torcedor no ano que vem. Ele merece!

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.