Search Results For : Tabelinhas

Tabelinha entre TRI Mundiais!

Valorizado – Rogério Ceni, ídolo Tricolor e técnico do Fortaleza atual líder da série B do Brasileirão, está valorizado no mercado. Com contrato a vencer no fim de 2018, agentes especializados no futebol brasileiro consideram difícil sua permanência no clube cearense. Ainda segundo o mercado da bola, o Rio de Janeiro seria uma boa alternativa ao técnico e um novo passo na carreira. Ceni iniciou sua carreira de técnico no próprio São Paulo e foi demitido após insucessos no Campeonato Paulista, Copa do Brasil e Sul-Americana, além de desentendimentos com a diretoria de futebol da época. É importante ressaltar que o treinador perdeu peças importantes do seu elenco base no começo de seu trabalho, em 2017.

 

O moço que veio de Garça – Waldir Peres, um dos maiores goleiros do São Paulo e meu ídolo de infância, ganhou uma bela homenagem: um livro que conta, sob forma de romance, sua história no futebol. A escritora Jeanette Rozsas, procurada pelo próprio personagem para a realização do trabalho, se inspirou nos sonhos do jogador para compor o romance biográfico que em breve estará à venda. O anfitrião do evento de lançamento, realizado no salão nobre do Morumbi, foi Homero Bellintani Filho, conselheiro vitalício do clube.

 

Mudanças para 2019 – O Campeonato Brasileiro terá uma mudança radical nas cotas de TV em 2019. A divisão do dinheiro seguirá o seguinte modelo: 40% divididos de forma igual entre os 20 integrantes da Série A, 30% pelo número de partidas transmitidas e 30% de acordo com a classificação final do torneio. Penso essa divisão ser mais justa e equilibrada e certamente muito clube que se distanciava dos outros apenas pela audiência terá que rever sua gestão.

 

Tem que se coçar! – O São Paulo é um dos grandes que perderia dinheiro caso a mudança já estivesse em vigor em 2018. Segundo o blog do Jorge Nicola, o Tricolor teria uma perda de quase R$ 20 milhões pois embolsa atualmente R$ 110 milhões e ficaria com R$ 89,3 milhões caso a nova regra estivesse em vigor, sendo R$ 26,6 milhões fixos, R$ 30,7 milhões com audiência (12 jogos exibidos) e R$ 32 milhões com o quarto lugar.

 

Outras prioridades? – Com a eleição de Jair Bolsonaro para a presidência do Brasil, a tendência é que o futebol seja colocado em segundo plano pelo governo federal. Por conta da Copa do Mundo, os governos anteriores estreitaram bastante a relação com os clubes e o esporte mais praticado no país. Atualmente não há expectativa de diálogo tão próximo assim e inclusive o ministério de esporte deve ser fundido com o de cultura e educação, enxugando as pastas. A CBF é outra que não deve ganhar o carinho que era acostumada pelo governo. Não acho essa posição errada: o país tem prioridades maiores que o futebol e os clubes precisam encontrar por si próprios saídas em conjunto para o próprio buraco que se meteram.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Tabelinha entre TRI Mundiais!

Opiniões divididas – A queda do São Paulo no returno do Brasileirão e o desempenho de Diego Aguirre dividem opiniões entre a crítica especializada nos principais canais de esportes do país. Na ESPN, os comentaristas Arnaldo Ribeiro, Mauro Cezar Pereira e Eduardo Tironi criticaram a falta de repertório do treinador, comentada aqui no blog no início de outubro. Arnaldo inclusive apontou a demora nas substituições durante a última partida. No UOL, o comentarista Luís Simon (o Menon) culpa o treinador pela escalação errada, assim como Luiz Ademar, que teceu duras críticas em seu twitter no andamento da partida. Por fim, Milton Neves questionou o banco de Nene em suas intervenções na rádio.

 

Repertório já! – Leco tem sofrido pressão pela saída de Aguirre, por parte de conselheiros do clube, mas não tomou uma decisão. Ela sairá em conjunto com sua comissão de futebol. De um modo geral, a crítica especializada prefere a permanência de Aguirre para o ano que vem, em virtude da melhoria do desempenho do clube em relação ao ano passado, porém pondera duramente sobre o “algo mais” que o treinador deve oferecer. O comentarista Mauro Cezar foi o mais enfático, e é a crítica na qual mais me alinho: um clube como o São Paulo não se pode ter apenas um repertório, time fechado e exploração de contra-ataques com jogo aéreo. Era preciso mostrar mais saídas, mesmo com o elenco limitado que tenha.

 

Briga pelo G4 – Nas últimas nove partidas, o São Paulo somou apenas uma vitória. Se o time voltar a tropeçar diante do Vitória, poderá cair para a quinta colocação já na próxima rodada. O Grêmio tem um ponto a menos e, caso não tenha sucesso na Libertadores, se voltará 100% ao Brasileirão. É preciso resgatar a confiança para que a vitória em Salvador aconteça.

 

Em breve! – O Tricolor terá duas novidades que em breve serão detalhadas no blog. A primeira delas é o lançamento de um filme que entrará em cartaz no circuito de cinema da capital paulista. Previsto para o lançamento em novembro, ele contará casos da gloriosa história do clube e o nome tem a ver com uma delas: A moeda que caiu em pé. Outra novidade será a versão 2018 do “Vou jogar no Morumbi”, evento que contará com jogadores do passado e presente Tricolor em jogos entre torcedores no Cícero Pompeu de Toledo. Em breve, mais detalhes.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Tabelinha entre TRI Mundiais!

Ressaca – O técnico Diego Aguirre explicou a estratégia Tricolor, fracassada no clássico diante do Palmeiras no último sábado, no Morumbi. De acordo com o técnico, a ideia era amarrar o adversário no primeiro tempo e tentar a vitória com Everton na segunda etapa. O técnico não contou com a desatenção geral nos dois gols palmeirenses e viu o vinho virar vinagre com a ótima atuação do time de Felipão. Porém, uma coisa não foi explicada: a saída de Nene.

 

Sem explicação – Que Nene está em má fase, isso não resta a menor dúvida, porém, com a entrada de Everton no segundo tempo, era de se esperar a manutenção do camisa dez na partida. Ao ser perguntado sobre um possível problema interno, o diretor Raí disse não estar sabendo de nenhuma situação negativa envolvendo o jogador fora das quatro linhas. Amigos meus que tiveram contato com o jogador também juram tudo estar bem. Nene é são-paulino e deseja um título com o clube. O fato é que, sem ele, o time fica ainda mais sem opções criativas. É hora do quarteto NERD (com Rojas no lugar de Reinaldo) voltar a assumir o protagonismo conquistado no fim do primeiro turno.

 

Fim da valsa – O volante Felipe Melo, sondado pelo São Paulo e atualmente no Palmeiras, lembrou da valsa tocada pelo Tricolor após a vitória no sábado. Lançada em um dos vídeos feitos pela comunicação do clube no ano passado, ela representava o tabu de mais de quinze anos sem perder pelos palestrinos no Morumbi. Apesar da lembrança, Felipe Melo não foi vingativo: “Faz parte da brincadeira, quem está ganhando te zoa, quem perde tem que aprender a ser zoado” – disse ele. “Vencemos um rival direto, um time muito forte dentro de casa para sessenta mil pessoas”. Finalizou, ainda em campo.

 

Aguirre 2019 – As cobranças do torcedor sobre Diego Aguirre no jogo de sábado são justas. Para Raí foi a pior apresentação do time no Brasileirão. O São Paulo se mostrou um time confuso e sem repertório diante de um adversário mais focado e qualificado. Porém, se houver chance eu renovaria com o técnico para o ano que vem. O uruguaio se mostrou entendido no assunto e precisa de um elenco melhor qualificado, além de um novo goleiro.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Tabelinha entre TRI Mundiais!

Casa abarrotada – O torcedor do São Paulo tratou de reservar seu ingresso para o clássico do próximo sábado diante do Palmeiras, no Morumbi. Já são mais de quarenta mil ingressos vendidos. Além do tabu de dezesseis anos sem perder para o rival em sua casa, o Tricolor precisa de uma vitória para continuar firme na luta pelo título do Campeonato Brasileiro, torneio que não conquista desde 2008. No site Total Acesso apenas as arquibancadas vermelhas estão disponíveis. Além delas, as cadeiras e setores nobres estarão no site de compras. Vai lotar!

 

Onze finais – O técnico Aguirre tratou de equiparar o clássico de sábado com os demais dez confrontos que a equipe tem que realizar até o fim da competição. São onze jogos de igual importância, disse ele. Essa analogia é matematicamente correta mas todos sabemos a importância de uma vitória em um clássico, ainda mais sob um rival direto pelo título. O peito estufa e dá uma energia extra para os próximos compromissos. Independente do Palmeiras ser o próximo rival, o fato é que o São Paulo terá que jogar a vida nessa e nas outras dez partidas.

 

Nível abaixo – O meia-atacante Pedrinho é mais um jogador dispensado pela base Tricolor a brilhar no rival Corinthians. Em entrevista ao programa “Jogo Sagrado” (FOX) o atleta revelou que em 2013 fez uma semana de testes no São Paulo e foi dispensado por, segundo Pedrinho, não ser do mesmo nível dos que tinham lá em Cotia. “Eu sofri muito com isso. As vezes eu fazia um bom jogo, mas meu pai escutava que eu não ia dar certo por causa do tamanho e do porte físico” – comentou no programa.

 

Quinze anos! – A Embaixada São Paulinos Bahia fará quinze anos e a festa está aberta a todos os são-paulinos no dia 26 de outubro. O pessoal caprichou no evento: churrasco completo, chopp, refri, água e suco, banda Imenso Desejo e a promessa de um ídolo do clube. Mais informações no Instagram da embaixada. Nota: o São Paulo jogará em Salvador no dia 27, contra o Vitória.

 

Baita amigo – O ex-jogador Neto, atualmente comentarista esportivo, foi um dos responsáveis pela evolução do ex-lateral Cicinho, ídolo do São Paulo. Em entrevista ao UOL Esporte, o ex-lateral lembrou de uma entrevista com o ex-camisa dez, que o levou a treinar mais finalizações e cruzamentos. Segundo Cicinho, foi esse treinamento específico que o fez evoluir no fundamento e levou a golaços como o que marcou contra o Palmeiras, em 2005.

 

Metodologia de Aguirre – O ex-volante Sidney, atualmente técnico de futebol, esteve na semana passada no CT da Barra Funda em um pequeno estágio com a comissão técnica Tricolor e comentou os métodos de Aguirre para o jornal Lance!,  “O trabalho dele é muito intenso. Eles utilizam bastante o campo curto. O Aguirre mescla campo curto com campo aberto e isso é um diferencial que eu também acredito que seja importante para adaptar em todos os campos e situações de jogo.” – disse ele.

 

Parabéns, gigante! – O Morumbi completa 58 anos nesta terça, dia 02/10.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Tabelinha entre TRI Mundiais!

Equilíbrio e dificuldade – “São poucas equipes que conseguem fazer mais pontos no segundo turno do que no primeiro. Ninguém consegue disparar. (…) Mesmo assim, continuamos desde a 16ª rodada entre os quatro, na ponta de cima da tabela, mantendo uma regularidade (…)” Essa frase, verdadeira por sinal, não é de Diego Aguirre, não pertence a nenhum jogador do São Paulo e muito menos foi dita por algum torcedor Tricolor. Ela é de Odair Hellmann, técnico do Internacional, e sintetiza perfeitamente o campeonato até agora. É um título para quatro ou cinco postulantes até agora e quatro vagas para seis ou sete candidatos a degola.

 

É xogo a xogo! – Neste ano ninguém vai disparar e o torneio será definido nos confrontos diretos. Confesso que atualmente gostaria de estar na posição do Palmeiras: nunca precisou ser líder e, se mantiver a competência, estará entre os primeiros até o final sem o peso do protagonismo. Ser líder prematuro do Campeonato Brasileiro é uma pressão para poucos. Atlético Mineiro, Flamengo, São Paulo e Inter se revezam no posto, sem sprint. A diferença entre o primeiro e o quinto colocado é de apenas quatro pontos e quem entende deste tipo de competição sabe que, sem gordura, o importante é acompanhar o pelotão de frente até as últimas rodadas.

 

Voltar aos trilhos – O São Paulo, assim como todos os outros, também vacilou em alguns jogos deste Brasileirão, principalmente no returno, com quatro empates em sete jogos. A equipe ocupa atualmente a 11ª posição na segunda metade do campeonato, rendimento insuficiente para quem pretende o título da competição. O lado bom disso é que, logo depois do péssimo resultado diante do América MG, o elenco manifestou indignação com a atualidade e promete foco total nos jogos para voltar aos trilhos. Menos “Chapada do Nene” e “Kingnaldo na TV” e mais atenção nos confrontos também pode ajudar a fazer a diferença.

 

Reta final – Finalmente a estação São Paulo Morumbi (linha amarela do Metrô) está em fase final de entrega. A estação era prevista para antes da Copa do Mundo 2014 e , depois de seguidos atrasos, parece que enfim terá sua inauguração em outubro. Segundo o site Ferroviando, a estrutura metálica da cobertura do principal acesso foi iniciada na semana passada, juntamente com o afaltamento do terminal, sinalizando o fim da espera. Veja fotos que comprovam a fase final da construção e o iminente lançamento.

 

Evento Tricolor em São Paulo – Neste sábado (29/09) a partir das 10h a Torcida Independente promoverá o Primeiro Encontro do Departamento Social de sua torcida, com foco nas mulheres associadas e todas as são-paulinas do Brasil. Entre algumas atividades o encontro promoverá pautas sobre os direitos das mulheres na sociedade e futebol, vivência das torcedoras, formação de uma bateria 100% formada por mulheres, churrasco de confraternização com pagode e atividades para os pequenos Tricolores. O evento acontecerá na Casa Independente, rua Jules Rimet, 273, em frente ao portão 4 do estádio do Morumbi.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.