Search Results For : São Paulo FC

Agora sou mais um fanático do Esporte Interativo. Acompanhe!

Não é só jogador que “muda de camisa” na profissão. É com muita satisfação que comunico a todos os meus leitores e amigos que à partir desta terça-feira sou mais um fanático que participará da terceira temporada do programa #Fanáticos3 do canal Esporte Interativo.

 

Para quem não conhece, o Fanáticos é uma mistura de reality e game show em que torcedores disputam entre si em chaves e viverão de dois a três meses em uma casa no Rio de Janeiro. Representarei a torcida Tricolor ao lado do Dimi, outro fanático são-paulino. Estamos no Grupo B com Santos, Santa Cruz e mais um time que ainda vem da repescagem. A primeira participação da dupla são-paulina será na segunda semana do programa, que começará no dia onze de dezembro.

 

Uma coisa muito importante: existem atividades que dependem do engajamento das torcidas pela TV. Elas auxiliam as duplas através de interações nas redes sociais, portanto você também poderá “ajudar na briga” participando dos desafios. Bom para mim que sou péssimo, péssimo de memória. Ajuda aí!

 

O Esporte Interativo é a marca de esportes da Turner no Brasil, com programação 100% dedicada a cobertura esportiva e sua distribuição em todas as plataformas. Com o slogan “Movidos por sonhos!”, o EI conta com dois canais na TV Paga (Esporte Interativo e Esporte Interativo 2), um na TV Aberta (Esporte Interativo BR) e um serviço digital que dá acesso ilimitado a todos os conteúdos dos canais Esporte Interativo (Esporte Interativo Plus). Saiba mais aqui.

 

Espero contar com a audiência e participação de todos.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

Veja também: as cinco dicas mais legais da Black Friday Tricolor.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Carta aberta ao presidente Leco

Caro presidente Leco;

 

Tivemos dois encontros neste ano. O primeiro, junto com amigos torcedores, na tarde do dia 18 de julho (a tarde que antecedeu a contratação de Hernanes) e o segundo no dia 13 de setembro, quando fui convidado pela Torcida Independente para participar da reunião com os jogadores, diretores e comissão técnica no CT da Barra Funda.

 

Em ambos os encontros você nos recebeu muito bem. Temos uma relação de respeito e cordialidade, como deveria ser entre todos os são-paulinos. Nas duas vezes que nos encontramos expus a grande preocupação do torcedor com o atual momento do clube e o time. O ano foi difícil e mesmo assim boa parte da torcida e seus representantes nas redes sociais (com poucas e conhecidas exceções) decidiram apoiar dentro do estádio, com comparecimento recorde mesmo com o time estando quatorze rodadas na zona da degola. A atitude enfim se mostrou correta: hoje estamos salvos do rebaixamento sobretudo graças a presença e incondicional apoio da maioria dos torcedores do São Paulo Futebol Clube.

 

Porém, a situação não pode permanecer como está. Não podemos passar 2018 e os próximos anos brigando para não cair de divisão, como fizemos em três das últimas cinco temporadas. O mantra de “time grande não cai” não cola comigo porque tenho certeza que, se continuarmos fazendo um tremendo esforço, uma hora ele cairá sim. Do jeito que está chegará uma hora que nem a torcida, nem profetas e nem o peso da camisa nos salvará.

 

Portanto, conforme prometido para a grande audiência do blog (foram mais de 24 milhões de pageviews em um ano de “São Paulo Sempre” – um blog apolítico que pulsa com o coração do torcedor), venho por meio desta carta aberta pedir para que você, seus diretores e o Conselho de Administração respondam para a coletividade Tricolor algumas questões diretamente ligadas a retomada da saúde financeira e busca incessante por novos títulos. Vamos aos pontos:

 

1) Transparência nos números da dívida atual do São Paulo

Pedi isso para você no nosso primeiro encontro. Precisamos atualizar constantemente os números da nossa dívida para que o torcedor entenda por que tantas vendas ainda resultam em déficit. Não vamos esperar o tradicional balanço no início do ano. Solte a atual situação financeira do São Paulo neste fim de ano para veículos de peso e credibilidade como o Globoesporte.com ou o UOL. O torcedor tem o direito de saber o que foi amortizado e qual o é planejamento para diminuição das dívidas durante os anos do seu mandato.

 

2) Planejamento do elenco para 2018

Apesar das boas contratações da nova gestão, como Hernanes, Arboleda e Petros (que ajudaram a evitar o pior) o elenco e o time titular ainda tem muitas carências. O torcedor tem o direito de saber se o futebol trabalhará na manutenção das principais peças da equipe titular até o final de 2018 e quais os setores que serão devidamente reforçados. Na minha opinião, temos que ter novos titulares para o gol, as duas laterais e para o ataque. Isso se ninguém sair. Outra parte muito importante é o reforço do elenco. Tirando o jovem Brenner, que ainda não vimos atuar por completo no profissional, atualmente só vejo Gilberto um reserva a altura do titular no banco de reservas. E ele sairá no final do ano. É preciso melhorar o nível titular/reservas, aumentando a competitividade dos treinos e as possibilidades no campo.

 

3) Profissionalismo e cobrança nos cargos executivos

É sabido que você, presidente Leco, preencheu alguns cargos executivos de forma política neste mandato, atendendo pressões dos grupos do clube. Por este motivo, você não conseguiu cumprir com plenitude o novo estatuto, que prevê a aquisição de pessoas com comprovado e notório conhecimento de suas atividades. O torcedor tem o direito de saber como esses executivos estão sendo cobrados. Quais as metas impostas para o marketing, financeiro e futebol? Haverá uma avaliação neste final de ano? Tive informações que muitos dados ainda não foram passados para o Conselho Fiscal do clube. Essa pergunta também cabe ao Conselho de Administração, que tem como principal objetivo fiscalizar e orientar a gestão em andamento.

 

Enfim, essas são as dúvidas de milhões de pessoas que respiram e defendem esse clube nos bares, escolas, faculdades, empresas e quadras de society do Brasil todo. De gente que está cansada de ser humilhada diariamente com o deboche e piadas vindas através da boa gestão e dos últimos títulos conquistados pelos rivais. O maior prêmio que você, presidente Leco, e os diretores do clube dará a esses guerreiros que apoiaram e compareceram no estádio mesmo num momento tão difícil é transparência nas respostas e no trabalho. De minha parte a cordialidade sempre existirá, mas a cobrança é vital e sempre necessária. Afinal, somos todos São Paulo Futebol Clube.

 

Saudações Tricolores!

 

PS: essa carta será entregue em mãos ao presidente Carlos Augusto de Barros e Silva.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

Veja também: as cinco dicas mais legais da Black Friday Tricolor.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

OPINIÃO – São Paulo 0x0 Botafogo

Em sua despedida do Pacaembu, o São Paulo não conseguiu sair do zero no placar e empatou com o Botafogo aos olhos de cerca de vinte e seis mil presentes. Com o ponto conquistado, o clube sepultou de vez o risco de rebaixamento que rondou o trágico ano.

 

Ficou claro e evidente que Cueva e Hernanes fazem muita falta no nosso meio-campo. Sem os dois, o time ciscou, ciscou e não traduziu posse de bola em jogadas de gol. A dupla Shaylon/Lucas Fernandes, de ótimo desempenho na base, ainda se mostra incompleta para a missão de “chamar o jogo” no meio. O São Paulo perdeu totalmente a quebra das linhas; ficou preso no limitado porém organizado adversário.

 

A equipe só melhorou criativamente com a entrada do peruano na segunda etapa, pedido em coro pela torcida presente no Pacaembu. Cueva é um atleta que tem comportamento não confiável e certamente será multado pela diretoria, mas atualmente é imprescindível neste São Paulo pobre de opções nas laterais e de ataque capenga. Apesar de ser bom de bola, o Tricolor precisará pensar seriamente se será bom manter um jogador assim. Imagina o comprometimento no período pré-Copa…

 

Para resumir, foi um jogo equilibrado porém nenhum dos dois lados fez por merecer a vitória. Com a proximidade do final da temporada e a certeza da série A, será hora de cobrar dos nossos diretores uma equipe mais forte e equilibrada dentro de campo, com contratações pontuais, manutenção da espinha dorsal e um ou outro fora de série para os padrões daqui. Não dá para o São Paulo, clube de tantas tradições e glórias, viver mais anos como coadjuvante no futebol brasileiro.

 

Nota dos personagens da partida:

Sidão Seguro nas saídas de bola e chutes de longa distância. Nota: 6,0

Militão É o melhor do setor mas é um quebra galho. Nota: 6,0

Bruno Alves Bem postado, fez uma boa partida. Nota: 6,5

Rodrigo Caio Também fez uma boa partida na defesa. Nota: 6,5

Edimar Partida regular. Belo passe para a trave de Pratto. Nota: 6,0

Jucilei Bom trabalho na frente da zaga. Importante no desarme. Nota: 6,5

Petros Atuação regular. Subiu algumas vezes no ataque. Nota: 6,0

Shaylon Um bom arremate. De resto, apresentação regular. Nota: 5,5

Lucas Fernandes Mais uma chance de futebol desperdiçada. Nota: 4,5

Marcos Guilherme Muito pouco acionado no ataque. Nota: 5,0

Pratto Perdeu um gol incrível nas poucas chances de gol que teve. Nota: 4,5

Cueva Ele bêbado é o melhor que temos na criação. Nota: 7,0

Junior Tavares Entrou na meia e promoveu uma correria. Nota: 6,0

Gilberto Pouca participação. Também perdeu uma boa chance. Nota: 5,0

 

Dorival Junior Fez certo em não ter escalado Cueva desde o início. O peruano chegou seis e meia da manhã, foi para o CT e de lá para o jogo. Não participou dos treinos e mesmo assim foi destaque nos minutos que esteve no campo. Acho que Gilberto deveria entrar mais cedo nos jogos, mas de resto. OK, é o que temos para o momento. Nota: 5,5

 

Leia outras notícias do blog São Paulo Sempre aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Hernanes disputa voto a voto o Craque da Galera 2017. Vote nele aqui!

Hernanes é o candidato do São Paulo para o prêmio Craque da Galera do Campeonato Brasileiro de 2017. O meia, um dos maiores protagonistas da fuga do rebaixamento, disputa voto a voto com Jô (SCCP) o título simbólico de melhor atleta do torneio, eleito pelo torcedor. Atualmente os dois estão na faixa dos 34% em luta acirrada por votos.

 

Vote em HERNANES no Craque da Galera aqui.

 

Com gols e assistências importantíssimos, o jogador se tornou vital para o time e é cogitado por jornalistas para o elenco de Tite na Copa do Mundo. O São Paulo já trabalha uma estratégia para a permanência do craque por mais algum tempo no Tricolor. O vínculo de empréstimo de Hernanes vai até o meio do ano que vem e um re-empréstimo até o final de 2018 seria a alternativa mais viável neste momento.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

Veja também: as cinco dicas mais legais da Black Friday Tricolor.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Dorival Jr: “Vamos brigar por títulos ano que vem. Pode ter certeza disso!”

A entrevista do técnico do São Paulo foi feita para o Blog do Menon, do UOL. A enfática declaração foi dada entre outros interessantes assuntos, como busca de reforços, promessas da base, Kaká e atletas emprestados a outros clubes.

 

Sobre reforços, Dorival disse que não terá pacotão. Segundo ele, chegarão nomes pontuais para setores carentes. Jean, goleiro do Bahia não foi indicação dele, mas chegou até o técnico e foi aprovado. Dorival também gostaria de contar com Breno, atualmente no Vasco, e disse que o São Paulo tem preferência de compra, ao contrário de Hudson, atualmente no Cruzeiro. Sobre Kaká, o treinador rasgou elogios ao meia: “Tem muita condição de jogar ainda. É muito bom”. – disse.

 

Sobre a base, Dorival destacou Anthony (falamos dele neste post) e Helinho. Disse que Brenner é questão de tempo para ser titular e que Lucas Perri subirá um degrau, isso é, deverá ser o terceiro goleiro do clube. Dorival também explicou como resgatou a confiança do Tricolor e porque demorou para voltar com Jucilei na equipe titular.

 

A entrevista foi muito boa e esclarece vários pontos, entre eles o perfil e o defeito do time atual. “É um time que não tem contra-ataque”, disse Dorival ao blog. “Também não temos muitas jogadas de fundo com os laterais”. – completou.

 

Estou alinhado com Dorival. Penso que o São Paulo tem um bom meio-campo (como há muito tempo não tinha) e jogadores de ótima qualidade, mas está incompleto em termos de elenco. Espero que Leco e Pinotti saibam enxergar essas deficiências e arrumem o elenco montado às pressas no meio deste ano, tornando-o equilibrado e mais forte. Senão a frase do título deste post não se concretizará.

 

Leia a entrevista completa de Dorival Jr. no Blog do Menon aqui.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

Veja também: as cinco dicas mais legais da Black Friday Tricolor.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.