E-Consulters Web - Hospedagem Premium

Search Results For : História

Considerado o “Jogo do Século”, bi-mundial Tricolor completa 25 anos!

Há vinte e cinco anos atrás o São Paulo Futebol Clube levantaria pela segunda vez a taça de campeão mundial. A vítima de 1993 foi o poderoso Milan de Baresi, Papin e cia em um jogo alucinante, decidido apenas no final, com um gol ‘sem querer’ de Müller.

 

A partida com o Milan foi apelidada na época por toda a mídia esportiva mundial de o “Jogo do Século” pelo fato das duas equipes estarem no auge técnico e dominarem os continentes naquele período. O São Paulo era o atual campeão mundial e mesmo sem Raí (negociado com o PSG) tinha Cerezo, Leonardo, Palhinha, Ronaldão, Müller entre outros craques. O Milan era o clube mais poderoso da Europa, amparado pela ótima fase do Campeonato Italiano, acompanhado por nove em cada dez apreciadores de futebol em todo o mundo.

 

Aí vai uma opinião um pouco polêmica: apesar do Milan ser um gigante europeu, entre os três mundiais conquistados pelo São Paulo, para mim esse segundo foi o único em que o Tricolor não era zebra. Aliás, era favorito. Contra o Barcelona, o São Paulo era  novidade para o mundo mas atropelou o time catalão com uma “Ferrari”, credenciando-o como favorito para o segundo título. No último, em 2005, o Liverpool vinha de uma invencibilidade incrível e sem tomar gol há muitos jogos no Campeonato Inglês. Aí veio o Mineiro e pimba: TRI.

 

Mesmo favorito, o segundo título do São Paulo não foi tarefa fácil, aliás, foi muito complicado vencer os fortíssimos rossoneros, mas lá estava Müller no lugar certo, no segundo certo e com o calcanhar certo para colocar novamente o Tricolor no topo do mundo. “Isso é para você, palhaço” – Costacurta não deve dormir direito até hoje.

 

Bons tempos que não voltam mais, é claro. Mas servem como referência na luta diária e saudável por um São Paulo que honre as tradições no futebol e volte a ser competitivo no novo futebol, muito mais equilibrado dentro e fora dos campos como o brasileiro.

 

Ah o São Paulo mandou bem e divulgou um fantástico e-book sobre o Bi Mundial de 1993. Baixe aqui o seu: https://spfc.vc/2C4b8Gv

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Ronaldão: um ótimo nome para a coordenação de futebol do Tricolor!

Ricardo Rocha já não é mais coordenador de futebol do São Paulo. Para o seu lugar o clube pensa em algumas possibilidades no mercado da bola. Uma delas é Ronaldo Rodrigues de Jesus, mais conhecido como Ronaldão.

 

A maioria da torcida conhece ou pelo menos ouviu falar de um dos zagueiros mais icônicos do Tricolor. Com passagem entre 1986 e 1993 pelo clube, Ronaldão tornou-se um dos maiores símbolos das conquistas do São Paulo no início da década de 1990. Campeão brasileiro em 86 e 91, Paulista em 87, 89 91 e 92, campeão da Libertadores em 92 e 93, Campeão Mundial em 92 e 93, Copa continental 92 e 93, Supercopa 92 e Recopa 93 pelo São Paulo e tetra-campeão na Copa do Mundo em 1994. Como jogador, Ronaldão ganhou mais títulos até que o ídolo Raí. Porém, o que poucos sabem é que ele já exerceu o cargo de coordenador de futebol na Ponte Preta. É visto no meio como profissional tarimbado, de bom relacionamento com os jogadores e forte identificação com o Tricolor.

 

Ronaldão seria disparado o nome mais adequado para o cargo. Depois da saída de Raí para o Paris Saint Germain, foi ele que comandou o vestiário do Tricolor como jogador. Ronaldão poderia muito bem exercer as funções que Rocha exerceu ao longo deste ano: auxílio na tomada de decisões do futebol, elo entre a diretoria e os jogadores, trabalho de vestiário e renovação de contratos da base. Com ele, mantém-se uma base de diretores boleiros, honestos e vencedores dentro das quatro linhas. Acredito ser um passo para possíveis futuras conquistas.

 

A título de curiosidade: segundo o Portal UOL, Ricardo Rocha foi um dos grandes responsáveis pelo andamento da renovação do contrato do jovem Luan: o volante assinou novo vínculo até 31 de dezembro de 2022. O antigo era válido até 30 de setembro de 2019.

 

Se eu pudesse escolher, não titubearia: Ronaldão na cabeça!

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Torcida Organizada antecipa 2019 e avisa: “a cobrança será geral”

A Torcida Independente, a maior torcida organizada do São Paulo Futebol Clube, antecipou 2019 antes mesmo do início do jogo contra da Chapecoense, na Arena Condá, e fez duras críticas aos gestores do clube.

 

Em nota oficial no Instagram, a torcida salientou presença no último jogo do Campeonato Brasileiro e, com exceção de André Jardine, cobrou todos no clube: presidente Leco, conselheiros e diretores.

 

Sobre Leco, a Independente lembrou o histórico fracassado, incluindo as saídas de Muricy e Rogério Ceni. Sobre os gestores de futebol Raí, Ricardo Rocha e Lugano, a organizada reconhece todos como ídolos mas atualmente desenvolvem trabalho medíocre como cartolas. Nem mesmo os conselheiros foram poupados: segundo a nota, o Conselho pensa mais em si que no clube. “Vivam o São paulo como vivemos” é a frase que resume a nota e o sentimento do torcedor.

 

Leia a nota oficial completa abaixo:

 

View this post on Instagram

Nota Oficial – Já vivemos 2019 O São Paulo vai jogar a última do ano. A Independente, como sempre, está na estrada. Onde o Tricolor está, estamos juntos. Na boa e na ruim, acima de qualquer título, está o São Paulo Futebol Clube. Mas isso não significa o suficiente. Somente nossos esforços, da torcida como um todo, levamos como honra e orgulho, para o ano seguinte. Chega. A cobrança é geral. Presidente Leco, até quando um fracasso, em todos os cargos que ocupou. A saída dos ídolos eternos, Muricy e Ceni, nas costas. As campanhas contra rebaixamento. Não aceitaremos mais vergonha. Diretoria de ídolos. Jogador é jogador. Dirigente é dirigente. Jogaram muito e representaram, mas estão cartolas medíocres. Honrem o salário. Conselheiros, pensam neles e não no clube. Torcida quer que somente a Independente proteste, por que não protestam? Por que sempre temos que ser os responsáveis? Na hora do modinha Libertadores comprar ingressos é como se tudo estivesse certo. Na hora de jogar Paulista, somem. Vivam o SPFC como vivemos. Jardine tem nosso apoio. Apesar que preferiamos técnico experiente e malandro de vestiário. Porque esse elenco tá cheio de esperto, que estamos de olho. Todos são culpados! Menos quem sofre de verdade e por estes, a Independente seguirá no bom combate tricolor. 2019 já começou pra nós. A cobrança não vai poupar ninguém. A Diretoria

A post shared by TORCIDA INDEPENDENTE OFICIAL (@torcida_independente) on

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Assista o golaço do meia argentino Jonatan Gomez pelo Al-Fayha

O meia Jonatan Gomez, atualmente no Al-Fayha, não deixou saudades no São Paulo. Emprestado pelo Tricolor ao clube saudita até o fim desta temporada, ele recentemente postou um golaço feito no campeonato local.

 

Assista o golaço de Jonatan Gomez aqui.

 

Depois do gol, o Instagram do jogador foi invadido por pedidos para voltar ao futebol colombiano. Gomez é ídolo dos torcedores do Santa Fe pelas ótimas temporadas que teve no clube. O São Paulo é detentor de seus direitos econômicos até 2020.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.

Rogério Ceni tomou a decisão certa e deverá enfrentar SPFC em 2019!

O Fortaleza anunciou nesta sexta feira a renovação de contrato com o ídolo Rogério Ceni. O MITO dirigirá o time até o final do ano que vem e deverá enfrentar o São Paulo no Campeonato Brasileiro 2019.

 

Será uma situação inusitada para o são-paulino encontrar seu ídolo “jogando contra” no Morumbi mas acredito que Ceni fez a escolha certa em mais uma etapa da sua carreira como treinador. Porém, desta vez o técnico terá maior responsabilidade com o clube cearense pois terá um duro segundo semestre visando a permanência na série A do Brasileirão.

 

Com Ceni no Fortaleza, exclui-se no momento a hipótese do MITO treinar um rival de estado (o Santos teria sondado o treinador). Desejo toda a sorte a ele no ano que vem, exceto nos eventuais jogos contra o São Paulo. Afinal, para mim o clube é sempre maior que qualquer ídolo.

 

Para acessar outras notícias do Blog São Paulo Sempre clique aqui.

 

Saudações Tricolores!
Daniel Perrone | São Paulo Sempre!

Me siga no Twitter
Me siga no Facebook
Me siga no Instagram

Post aberto para comentários.